A 19ª Fenaostra - Festa Nacional da Ostra e da Cultura Açoriana, realizada pela Prefeitura de Florianópolis, de 6 até 16 de setembro na Praça Fernando Machado, contou com a visita de 72 mil pessoas e consumo de 180 mil ostras.

Com o cunho 100% manezinho e entrada franca, a festividade teve novamente aprovação do público, com extensa grade de programação.

Esta edição contou com maior estrutura, cerca de quatro mil metros quadrados, que contemplou quatro restaurantes (Rancho Açoriano, Rancho das Ostras, Freguesia Oyster Bar e Vereda Tropical), nove cervejarias da União Cervejeira (Faixa Preta, Unika, Sunset Brew, Cervejaria da Ilha, Bayer Bier, On Tap, Jester, Kairós, Weinmann) e beer truck.

Além de 25 opções de artesanato da cidade com a presença de rendeiras e fuxiqueiras, shows de bandas locais e o Caminhão do Peixe 100% Manezinho. A sustentabilidade esteve novamente na festa com a opção de copos reutilizáveis, diminuindo em quase 90 mil copos descartáveis.

“Pelo segundo ano, realizamos no Centro da cidade, valorizando ao máximo a nossa cultura, sendo 100% Manezinha e gratuita. Recebemos muitos elogios da população por este formato. Nesta edição aumentamos o número de dias da festa e também a estrutura. Desafio vencido pela nossa Secretaria de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico. Essa semana já teremos uma reunião de avaliação com fornecedores e restaurantes participantes para trilharmos a vigésima edição com ainda mais assertividade”, afirma o prefeito Gean Loureiro.

Outra novidade deste ano foi a realização de dois concursos: de vitrines de peixarias do Mercado Público, em que houve votação presencial e pelo Instragram do Mercado Público, sendo o Box 22 (Peixaria Trindade) o vencedor; e o “papa ostras”, que premiou Rodrigo Luís Farias, por abrir e comer mais ostras que os outros desafiantes em um minuto (seis ostras).

 

Quer receber as notícias no WhatsApp? Clique aqui