Sempre com visão para mercados internacionais, a WEG participou da modernização de um sistema de acionamento para guindaste portuário na Holanda, realizando a substituição de motores de corrente contínua por motores de corrente alternada.

Os novos motores serão acionados por inversor de frequência, além do desenvolvimento de um sistema de recuperação de energia, que converte a energia gerada pela força da gravidade e da frenagem em eletricidade.

O fornecimento aconteceu em parceria com a empresa Nedcranes, especializada na reforma de guindastes portuários.

De acordo com a equipe da WEG, esse tipo de projeto é sempre customizado, sendo que todas as etapas devem ser adequadamente coordenadas.

No total, foram fornecidos 4 motores de 30 kW para movimentação do guindaste, 2 motores de 22 kW para Carro Trole, um motor de 7,5 kW para o mecanismo giratório de elevação do guincho e um motor de 170 kW para o guincho.

Todos os motores, com exceção do motor do guincho são equipados com redutor e freio mecânico, sendo este último um requisito de segurança padrão no mundo dos guindastes.

Existiram ainda outras particularidades agregadas e vantajosas nesse projeto, todos os motores são W22 IR3 Premium e o conjunto todo muito silencioso, o que é mais um diferencial, já que o terminal ferroviário de Railport Brabant está localizado perto de uma área residencial.

“No mercado de guindastes, é preciso encontrar equilíbrio, não apenas em termos de gravidade, energia, tecnologia e custos, mas também em termos de parceiros com quem você faz estes tipos de projetos em larga escala. Felizmente, encontramos isso nas soluções da WEG", acrescenta o gerente de projetos sênior da Nedcranes, Van Beijnen.

Com informações de assessoria de imprensa.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul

Facebook Messenger