A WEG S.A. anunciou nesta terça-feira (4) o fornecimento de um Sistema completo de Armazenamento de Energia em Baterias de íons de lítio Utility Scale e o desenvolvimento do controle de uma Microrrede alimentada por diversas fontes de energia para o Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão, em parceria com a Força Aérea Brasileira e a Agência Espacial Brasileira.

O contrato, firmado com a Fundação Sousândrade para o projeto da Equatorial Energia, empresa responsável pela construção, pesquisa e desenvolvimento da microrrede nas dependências internas do CLA, engloba o fornecimento do BESS (Battery Energy Storage System) com potência instalada de 1MW e 1MWh de capacidade, comissionamento, treinamento e desenvolvimento de todo o controle da microrrede na planta.

Previsto para entrar em operação em abril de 2022, o BESS, além de unificar a distribuição e ampliação da capacidade do sistema de geração de energia da microrrede, vai disseminar o uso da energia solar, que faz parte do sistema de alimentação, e garantir segurança, qualidade e resiliência no fornecimento de energia durante os lançamentos de foguetes. O projeto vai também contribuir para a redução de impactos ambientais, visto que o consumo de diesel será eliminado com o uso do BESS.

“Nossa participação neste projeto é uma grande oportunidade de mostrar o quanto estamos preparados para atender o crescente mercado de armazenamento de energia por baterias, também no Brasil. Temos tradição no fornecimento de BESS no âmbito internacional e, agora, estamos avançando no desenvolvimento de soluções para controle de microrredes, uma tendência que está crescendo bastante neste mercado”, explica, Manfred Peter Johann, Diretor Superintendente da WEG Automação.

A construção e o desenvolvimento de uma microrrede de energia elétrica inteligente para atender cargas críticas nas dependências internas do CLA faz parte do programa de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Equatorial Energia e Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), e conta com o Instituto de Energia Elétrica (IEE) da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) como parceiro tecnológico de desenvolvimento.

Para Marcelo Fernandes Augusto Jr, responsável corporativo de Digital e Inovação no Grupo Equatorial Energia, “trata-se de um projeto muito estratégico, tanto pela importância de contribuir com a modernização tecnológica contínua do Centro de Lançamento de Alcântara, contribuindo com a pesquisa científica nacional, assim como para nos especializarmos no desenvolvimento e controle de modelos de microrredes, que possui aplicação cada vez maior e cada vez mais necessária no setor elétrico”