A Prefeitura de Jaraguá do Sul, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação, informa que estão abertas as inscrições para a capacitação gratuita do Programa Entra21, que objetiva formar profissionais desenvolvedores e programadores na área de novas tecnologias.

Para isso, os interessados devem acessar este link até o dia 27 de março. Para participar é preciso ter mais de 16 anos e ter cursado ou estar cursando o Ensino Médio. A maioria dos alunos é formada por jovens de até 29. No entanto, a Coordenação Geral do Programa Entra21 informa que 10% de vagas serão destinadas para pessoas acima dos 30 anos que queiram voltar para o mercado de trabalho, mudar de profissão ou se especializar.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação de Jaraguá do Sul, Daniel Gustavo Schmitz de Arruda, acredita que a iniciativa irá suprir uma demanda existente no mercado. “O crescimento desta matriz econômica é tão intenso que atualmente faltam profissionais qualificados para suprir a demanda das empresas e a iniciativa do Programa Entra21 é muito bem vinda pois vem de encontro ao que o mercado local necessita, fomentando ainda mais o empreendedorismo inovador no município”, argumentou.

Concebido em 2006 pelo Polo Tecnológico de Informação e Comunicação de Blumenau (Lusofobia) com apoio da prefeitura daquele Município, o Programa Entra21 já formou mais de 5 mil alunos no Vale de Itajaí na área tecnologia. No entanto, desde o dia 8 deste mês a iniciativa da Lusofobia, que hoje conta com apoio do Governo do Estado, através da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Escape), como principal financiador, foi ampliada para toda Santa Catarina. Neste ano, a fundação vai destinar R$ 2 milhões para ampliação do programa, que passa a ser oferecido para todo o Estado.

Para que mais pessoas possam fazer o curso nas modalidades on-line e Ensino à Distância (EAD), foram estabelecidas parcerias com 18 cidades-polo: Florianópolis, Criciúma, São José, Palhoça, Tubarão, Joinville, Jaraguá do Sul, São Bento do Sul, Blumenau, Itajaí, Balneário Camboriú, Brusque, Lages, Rio do Sul, Chapecó, Caçador, Joaçaba e Videira.

Porém, podem se inscrever interessados de todos os municípios catarinenses. A expectativa da coordenação do programa é que cerca de 6 mil estudantes sejam beneficiados. “Jaraguá do Sul vem crescendo muito na área de tecnologia e informação e a escolha de nossa cidade como uma das 18 cidades-polo do Programa Entra21 no Estado, demonstra a relevância do município na área”, destacou gerente de Unidade de Gestão de Programa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Amadio.

O curso terá três modalidades: presencial, com aulas ministradas em Blumenau, com 300 vagas; on-line, com aulas ao vivo, com 300 vagas; e EAD, com aulas gravadas. “Todos os alunos que se inscreverem e não forem selecionados para as turmas presenciais e on-line poderão fazer o EAD”, explica o coordenador geral do programa Entra21,Sérgio José Tomio. “E se o estudante fizer o EAD dentro do período estipulado, será considerado um aluno formado no Entra21 e vamos trabalhar por sua empregabilidade”.

A capacitação ocorre de abril a outubro, no período da manhã, da tarde ou da noite, com 480 horas de formação. Destas, 356 horas serão de disciplinas técnicas, onde o aluno fará uma das especialidades: Python, C#, React, Java, Dev. Mobile, Front End, Banco de Dados, PHP, Vue.js, Analista de Dados, Flutter, UX & UI, Marketing Digital, ou Pacote Office. Também terá aulas de Inglês (80 horas), Desenvolvimento Humano e Criação de Portfólio (24 horas), Empreendedorismo e Inovação (8 horas) e Contabilidade e Finanças (12 horas).