Santa Catarina atinge US$ 5,8 bilhões em exportações no 1º semestre

Foto: Eduardo Valente/Secom

Por: Elisângela Pezzutti

15/07/2023 - 14:07 - Atualizada em: 15/07/2023 - 14:59

O comércio internacional catarinense fechou o primeiro semestre de 2023 com US$ 5,8 bilhões em exportações. Os produtos alimentícios, agropecuários e intensivos em tecnologia e insumos elaborados da indústria foram os destaques de vendas para o exterior. As análises foram divulgadas na última quinta-feira (13) pelo Observatório da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc).

“A presença catarinense no exterior mostra o dinamismo da nossa economia, a força do agronegócio e a vocação de Santa Catarina para o mercado internacional. No que cabe ao Governo do Estado, trabalhamos para melhorar ainda mais a competitividade para quem produz aqui”, avalia o governador Jorginho Mello.

Apesar do bom resultado este ano, Santa Catarina registrou leve redução, de 0,6%, em comparação com o ano passado por conta do fornecimento de insumos industriais para os EUA, que foi menor. O secretário da Indústria, do Comércio e do Serviço, Silvio Dreveck, destaca que o Governo do Estado segue ampliando a presença nos mercados mais exigentes e competitivos do mundo. “Santa Catarina vai continuar trabalhando em conjunto com a iniciativa privada, para construir as soluções de que o setor necessita”, enfatiza.

O Estado aumentou as exportações na Ásia e em países da América Latina. Além disso, houve um alto crescimento de Santa Catarina como fornecedor de insumos da indústria automotiva para a Argentina e México, como também para Alemanha, Reino Unido e Polônia, na Europa.

Os setores que mais contribuíram para o valor exportado foram a indústria de alimentos e bebidas, com US$ 2,2 bilhões. Outro setor de destaque foi o agronegócio, registrando US$ 474,6 milhões, graças às safras positivas de grãos e vendas de carnes suína e de aves.

Notícias no celular

Whatsapp