A revista Exame divulgou nesta quinta-feira (11) o ranking dos 100 maiores líderes empresariais do Brasil, e entre os nomes da lista, está o presidente da WEG, Harry Schmelzer Jr.

Além dele, estão os presidentes de outras quatro empresas catarinenses. São estes Raúl Padilla, da Bunge, de Gaspar; Fábio Hering, da Cia. Hering, de Blumenau; Otto von Sothen, da Tigre, de Joinville e Lorival Luz, da BRF, de Itajaí.

A lista é encabeçada pela presidente do Conselho de Administração da Magazine Luíza, Luiza Helena Trajano.

Além de Luiza Helena, estão entre os 10 mais votados, na ordem, Jorge Gerdau, Fábio Coelho, Roberto Setúbal, Arthur Grynbaum, Jorge Paulo Lemann, Frederico Trajano, Abilio Diniz, João Paulo Ferreira e Alexandre Costa.

A composição da lista conta com cinco etapas de avaliação com diferentes grupos (fontes de informação).

São incluídos apenas líderes de empresas com faturamento superior a US$ 40 milhões (R$ 221 milhões) e avaliadas 18 variáveis, como resultados econômicos, financeiros, atuação comercial da empresa, talento, ética, responsabilidade corporativa, atuação internacional e inovação.

Os líderes catarinenses estão à frente de indústrias com forte presença nos mercados do Brasil e atuação internacional, marcas fortes e reconhecidas pelos consumidores.

A BRF, WEG e Hering são empresas presentes também na bolsa brasileira, a B3.