A Petrobras adotou uma nova política de preços para a venda de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) em botijões para uso residencial e elevou em 6,7% o valor do produto nas refinarias. A partir de agora, os reajustes estão previstos para o dia 5 de cada mês e a nova política não se aplica ao gás de uso industrial e comercial, informou a estatal. Ainda segundo a empresa, o preço final ao consumidor não necessariamente reflete o ajuste nas refinarias, uma vez que o valor depende também de repasses feitos por outros agentes da cadeira de combustível, especialmente distribuidoras e revendedores.