O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, alertou nessa quarta-feira (6), sobre os riscos de ser necessário retornar ao confinamento, caso os países que estejam deixando as restrições para combater a pandemia de coronavírus não administrem as transições "com muito cuidado e em uma abordagem em fases".

As informações são da agência britânica Reuters.

Ele listou uma série de medidas necessárias antes que os países afrouxem medidas destinadas a controlar a propagação do coronavírus, como controles de vigilância e preparação do sistema de saúde.

"O risco de retornar ao bloqueio permanece muito real se os países não administrarem a transição com muito cuidado e com uma abordagem em fases", afirmou ele em um briefing online em Genebra.

O diretor defendeu o protocolo da OMS de alerta sobre o potencial de transmissão de pessoa para pessoa do novo coronavírus, lembrando que informou o mundo disso no início de janeiro.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul