Na noite desta terça-feira (11), a empresária e publicitária Talita Beber fez história.

Primeira mulher em 51 anos a assumir a presidência da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul, Beber tem uma trajetória incomum para a entidade varejista, emergindo não do tradicional meio lojista, mas da área de comunicação.

Formada em publicidade, Talita teve um início precoce em direção ao sucesso: aos 20 anos, ainda atuando como recepcionista na KWB, conseguiu fechar um contrato grande na primeira empreitada no atendimento direto a um cliente em potencial.

De lá, ela galgou sucesso na carreira, até tornar-se sócia da empresa.

Já são quatro anos dedicados à entidade, em um ciclo que deve durar pelo menos oito: dois anos como diretora social na gestão de Marcelo Nazato, dois na vice-presidência com Gabriel Seifert, e agora, mais dois anos na presidência, que devem ser seguidos por outros dois como conselheira.

A vida profissional e no associativismo divide espaço com a vida pessoal. Casada, a filha única mora com o marido e a mãe. O pai já é falecido.

No tempo livre, assim como na carreira, o diálogo é fundamental. "Gosto muito do diálogo, da construção coletiva de ideias, seja para o trabalho, seja em um momento de descontração", diz.

A entrada na entidade foi uma coisa engraçada, conta. "Eu conhecia o Marcelo Nazato como cliente e queria falar com ele sobre fazer parte do associativismo e ele estava justamente pensando em me chamar para assumir a diretoria social", lembra.

Foto Pedro Leal/OCP News

A diretoria social, hoje diretoria de comunicação, veio como um choque a época. "Era um pouco maior do que o que eu estava procurando, mas vamos ver no que vai dar, pensei".

Da gestão bem-sucedida da cadeira, veio o próximo passo na campanha de Gabriel Seifert.

"Quando ele me chamou para conversar, imaginei que seria para pedir que eu continuasse na diretoria social. Quando ele falou na vice-presidência, pensei comigo 'e agora', pois o próximo passo seria naturalmente me indicar para a presidência", brinca.

A empresária reconhece o importante papel social que tem como a primeira mulher no cargo.

"É importante aproveitar esta oportunidade para fazer com que as mulheres queiram participar mais do associativismo e ter uma presença maior no meio", diz.

Talita não é apenas é a primeira mulher no cargo, mas sua direção também será pioneira ao fomentar a presença feminina na diretoria: além da própria, os cargos de vice-presidente e de diretora de Relações Públicas são ocupados por mulheres.

Com o clima de recuperação da economia mostrando sinais na geração de emprego - assunto que foi um dos tópicos de seu discurso de posse - a empresária quer, em 2020 e 2021, ampliar a oferta de capacitações e inovação para a entidade.

"A minha gestão se sustenta em três pilares: experiência, desenvolvimento e inovação", explica. Uma das medidas será oferecer mais cursos para os associados, familiarizando-os com as novidades no mercado e no varejo.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul