Alunos do oitavo ano da Escola Santos Tomaselli, em Schroeder, tiveram nesta segunda-feira (13) a primeira aula do programa-piloto de incentivo ao empreendedorismo nas escolas, parte do programa de Desenvolvimento Econômico Local (DEL) do município. A iniciativa é uma parceria entre a Associação Empresarial de Schroeder (Acias), o Senai e a Prefeitura Municipal de Schroeder.

Para os alunos, a aula piloto - realizada com uma turma do matutino e uma do vespertino - foi a primeira introdução aos conceitos de empreendedorismo. Alguns, como o jovem Fabrício Alves, de 13 anos, já tinham ideia do que fazer para o futuro.

"Quero futuramente abrir uma empresa no ramo de eletrônica, pretendo fazer faculdade disso e estudar mais a fundo, mas não sei ainda como abrir uma empresa", diz.

Outros, como Gabriele de Lima, também de 13 anos, ainda não sabem que rumo seguir - mas vem a iniciativa com bons olhos.

"Acho bem importante isso que estão fazendo, até porque ajuda a garantir nosso futuro, a planejar melhor", diz.

Aulas vão apresentar aos alunos a possibilidade de abrir empresas. | Foto Eduardo Montecino/OCP News

Como Fabrício, a menina diz que quer um dia abrir sua empresa - mas ao contrário do garoto, ainda não sabe em que setor ou o que vai cursar quando chegar na faculdade.

Para estimular esse pensamento empreendedor, serão ao todo nove aulas, uma por semana. Na oitava aula, no dia 26 de junho, os alunos farão uma feira de negócios com suas empresas-modelo.

A meta, segundo a supervisora escolar e representante da Secretaria da Educação no programa de DEL, Morgana Ponath, é despertar nas crianças o interesse pelo empreendedorismo e levar conceitos de educação financeira para os alunos.

Segundo Morgana, a ideia é que os alunos desta turma piloto ajudem a divulgar conceitos nas turmas futuras.

"Assim formando um espírito empreendedor que olhe Schroeder para o futuro e forme novos empreendedores nas escolas. Para isso estamos levando para os alunos a visão de como é ter uma empresa, através de líderes locais", explica.

Visão no futuro

Nestas nove aulas, serão abordados conceitos de administração empresarial, avaliação de risco, educação financeira, planejamento e liderança.

O vice-presidente do programa de DEL de Schroeder, Rogério Maldaner, destaca que é importante incentivar o empreendedorismo neste momento de oportunidades.

Prestes a entrar no ensino médio, jovens desconhecem como abrir empresas. | Foto Eduardo Montecino/OCP News

"Durante estes pontos chave, a maioria das pessoas não está nem aí, são poucos que aproveitam o momento para fazer a diferença", diz.

De acordo com Maldaner, é essencial que os jovens tenham visão empreendedora e que saibam ver e aproveitar as oportunidades.

"O empreendedor precisa assumir riscos, mas são riscos calculados. Precisamos ensinar nossos jovens a avaliar estes riscos e a ter visão para o futuro", afirma.

As aulas do projeto piloto ocorrerão uma vez por semana, com duas turmas. Se bem sucedido, o programa deve ser implementado em outras escolas no segundo semestre do ano.

Além da feira de negócios, os alunos terão que apresentar um balanço de sua empresa-modelo ao final do programa.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?