Joinville registrou um crescimento de R$ 3,4 bilhões no PIB, em valores absolutos, e segue liderando o Produto Interno Bruto de Santa Catarina.

O PIB subiu 12,4%, de R$ 27,3 bilhões para R$ 30,7 bilhões.

Os valores se referem à passagem de 2017 para 2018.

O segundo maior PIB do estado pertence ao município portuário de Itajaí, onde a produção de riquezas avançou de R$ 21,9 bilhões para R$ 25,4 bilhões, alta de 15,8%.

Florianópolis (R$ 21 bilhões), Blumenau (R$ 16,9 bilhões) e São José (R$ 10,6 bilhões) seguem na liderança do ranking, acompanhados também de Chapecó (R$ 9,6 bilhões), Jaraguá do Sul (R$ 8,9 bilhões), Criciúma (R$ 7,6 bilhões), Brusque (R$ 6,3 bilhões) e Balneário Camboriú (R$ 5,5 bilhões).

O PIB de Santa Catarina R$ 298,2 bilhões em 2018, 3,7% maior do que em 2017. A concentração econômica segue alta: 68% deste valor veio de apenas 30 dos 295 municípios catarinenses, o equivalente R$ 203,9 bilhões

Dos 295 municípios catarinenses, 237 apresentaram variação positiva do PIB em 2018. As maiores altas vieram de Capivari de Baixo (+82,3%), Imbuia (+44,4%) e Aurora (+26,0%).

58 municípios registraram retração, com maiores quedas em Frei Rogério (-26,7%), Morro Grande (-21,4%) e Urupema (-20,4%).

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul