A Acij (Associação Empresarial de Joinville) avalia como positivos os números da geração de empregos divulgados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) nesta quarta-feira, 23. Os dados apontam a cidade do Litoral Norte do Estado como a quinta maior geradora de vagas formais de trabalho em todo o Brasil durante o acumulado do ano de 2018.

Em termos absolutos, Joinville ficou com saldo de 9.094 postos de trabalho depois das cidades de São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Curitiba. Os setores de serviços, indústria de transformação e comércio contribuíram bastante com esses números. O estado de Santa Catarina também empregou mais: o saldo positivo é 41,7 mil contratações.

“Os números demonstram que a economia começou a reagir e isso vai estimular os empresários a investirem mais. As reformas deram o reinício de saída da crise, mas ainda estamos longe do patamar ideal”, avalia o presidente da ACIJ, João Joaquim Martinelli.

De qualquer forma, a expectativa para este ano é positiva no setor privado.

“A construção civil ainda não teve retomada na contratação, mas o desempenho deve ser favorável neste ano”.

Depois de três anos de retração, o Brasil voltou a gerar empregos. Foram 529.554 vagas com carteira assinada no ano de 2018 comprovam os números do Ministério da Economia. O maior saldo registrado era de 2013, quando 1,1 milhão de contratações formais haviam sido registradas.

*Com informações de assessoria de imprensa

Quer receber as notícias no WhatsApp?