Você sabe, na ponta do lápis, quanto já pagou em impostos neste ano?

Desde o dia 1º de janeiro até as 10h desta terça-feira (3), Joinville já pagou mais de R$441,47 milhões em impostos municipais neste ano, segundo dados do Impostômetro. O dado leva em conta apenas os tributos municipais.

O Impostômetro é uma iniciativa da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo, da Associação Comercial de São Paulo e do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT).

Os levantamentos realizados consideram todos os valores arrecadados pelo governo a título de tributos: impostos, taxas e contribuições, incluindo as multas, juros e correção monetária.

No caso das arrecadações municipais, os levantamentos são obtidos através dos dados da Secretaria do Tesouro Nacional, dos municípios que divulgam seus números em atenção à Lei de Responsabilidade Fiscal, dos Tribunais de Contas dos Estados.

A região

Confira a soma de arrecadação de impostos de outros municípios da região até esta terça-feira (3):

  • Araquari: R$18,52 milhões
  • Balneário Barra do Sul: R$59,72 milhões
  • Garuva: R$66,40 milhões
  • Guaramirim: R$12,30 milhões
  • Jaraguá do Sul: R$107,99 milhões
  • São Francisco do Sul: R$53,93 milhões

Santa Catarina

No mesmo período, Santa Catarina já pagou um total de R$65,44 bilhões em impostos, em tributos estaduais, federais e municipais. O valor equivale a 3,91% da arrecadação nacional, de R$1,654 trilhão em impostos somente neste ano.

Para o levantamento das arrecadações federais, a base de dados utilizada é a Receita Federal do Brasil, a Secretaria do Tesouro Nacional, a Caixa Econômica Federal, o Tribunal de Contas da União e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Já as receitas dos estados e do Distrito Federal são apuradas com base nos dados do Conselho Nacional de Política Fazendária (CONFAZ), das Secretarias Estaduais de Fazenda, dos Tribunais de Contas dos Estados e da Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda.

O site é atualizado em tempo real com base em projeções de arrecadação calculadas a partir dos impostos.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger