2019 tem registrado um aumento considerável nas importações em Jaraguá do Sul, segundo dados da secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia.

Somando US$ 314,84 milhões de janeiro a outubro deste ano, as importações cresceram 10,89% na comparação com o mesmo período do ano passado. Em paralelo, as exportações registraram um crescimento 1,15% na comparação com o ano passado, somando US$ 479,3 milhões.

Apesar da desaceleração progressiva das exportações e do ritmo acelerado das importações, o saldo segue fortemente positivo, em US$ 164,46 - superávit que representa 52% do total de exportações do período - ou seja, as exportações cobriram uma vez e meia as importações para o perído.

Tanto nas importações quanto nas exportações, o setor elétrico lidera: são US$ 101,91 milhões em materiais, equipamentos e máquinas elétricas que entraram no mercado jaraguaense no ano, e US$ 435,49 milhões em produtos do setor que foram vendidos para outros países - 90,8% do total em mercadorias exportadas.

Enquanto nas exportações a participação de outros setores é reduzida - apenas o setor de vestuário ultrapassa a marca de US$ 10 milhões, com US$ 13,64 milhões - nas importações o perfil jaraguaense é mais diversificado.

Além do setor elétrico, tem participação expressiva os setores de vestuário, com US$ 55,52 milhões, plástico, com US$ 50,24 milhões, siderúrgico, com US$ 39,32 milhões, e pecuarista, com US$ 22,83 milhões.

Os EUA seguem como o principal cliente de Jaraguá do Sul, responsável por 22% das exportações, em um total de US$ 107,89 milhões. Além do país norte-americano, outros parceiros expressivos nas exportações incluem Alemanha, com US$ 42,23 milhões, Argentina, com US$ 30,87 milhões, e África do Sul, com US$ 25,8 milhões.

Já nas importações Jaraguá do Sul segue comprando primariamente da China: o gigante asiático responde por quase um terço das importações, somando US$ 99,69 milhões em produtos vendidos para Jaraguá do Sul de janeiro a outubro deste ano, 32% do total.

A Alemanha, com US$ 22,53 milhões, a Argentina, com US$ 19,63 milhões, e os EUA, com 18,49 milhões, também tem participação expressiva e lideram seus respectivos blocos nas relações comerciais com o município.

Jaraguá em Números

Exportações

  • 89 empresas exportadoras
  • 5,7% de Participação nas Exportações - Estado
  • 3º lugar no Ranking de Exportações - Estado
  • 81º lugar no Ranking de Exportações - Brasil

Importações

  • 80 empresas importadoras
  • 2,2% de Participação nas Importações - Estado
  • 9º lugar no Ranking de Importações - Estado
  • 99º lugar no ranking de Importações - Brasil