Jaraguá do Sul registra abertura de mais de 180 empresas em janeiro

Jaraguá do Sul registra abertura de mais de 180 empresas em janeiro Jaraguá do Sul registra abertura de mais de 180 empresas em janeiro

Economia

Por: Pedro Leal

sexta-feira, 05:00 - 23/02/2018

Pedro Leal
Com a recuperação econômica desde a segunda metade do ano passado, o ritmo de abertura de empresas no mês de janeiro cresceu 16,88%, segundo pesquisa divulgada esta semana pelo Instituto MAPA e o Núcleo Mundial de Negócios e Intermediações Internacionais. Somente no mês de janeiro, o Brasil abriu 215.630 novas empresas, contra 184.474 em janeiro de 2017. Em Santa Catarina, foram 9.202, somente nos 31 primeiros dias do ano - 28,9% a mais do que em 2017, quando foram abertas 7.138 empresas. Este crescimento tem sido liderado por Micro Empreendedores Individuais (MEI), responsáveis por quase 9 entre cada dez novas empresas: 89,26% dos novos empreendimentos foram abertos nessa modalidade. Segundo o estudo, a preferência se deve à facilidade para se reposicionar no mercado dentro da lei e a redução nos impostos cobrados. O resultado é o mais positivo nos últimos 13 meses, e representa uma média de 6.955 novos negócios abertos por dia. Para dar uma noção de proporcionalidade, o número é maior do que o total de empresas abertas nos cinco municípios da região em 2016 e 2017 somados - no período, foram abertas 5.611 empresas na região. Segundo os dados do Núcleo Mundial de Negócios e Intermediações Internacionais, desde o começo do ano a região já abriu 487 empresas.

Empresas abertas na região

Trazendo os dados para a região, Jaraguá do Sul abriu em janeiro deste ano um total de 184 empresas - 62,8% a mais do que em janeiro do ano passado, quando foram abertas 113. Guaramirim, por sua vez, abriu 27 este ano e 28 no ano passado, 3,6% a menos. Em Schroeder, foram abertas 22 - um crescimento de 37,5% comparado aos 16 de janeiro passado. Massaranduba manteve um ritmo estável: cinco empresas nos dois meses. Já Corupá registrou uma queda de 14,21%, indo de sete para seis empresas abertas no mês. Dentre os setores, o maior crescimento foi nos serviços da área de beleza e estética: 13.130 novos negócios, um aumento de 26,25% em relação ao mesmo mês no ano passado, quando abriram 10.400 empresas no ramo. Segundo o Núcleo, desde janeiro de 2017, a abertura de empresas tem sido liderada pelo comércio de acessórios e vestuário: 154.128 empresas. LEIA MAIS: - Abertura de empresas na região teve alta de 22%
×