Jaraguá do Sul fecha janeiro com abertura de 468 postos de trabalho – 25% a menos que em 2022

Foto: Pixabay

Por: Pedro Leal

10/03/2023 - 08:03 - Atualizada em: 10/03/2023 - 08:27

O mês de janeiro registrou a abertura de 468 novos postos de trabalho em Jaraguá do Sul, pouco mais de 75% do saldo registrado no mesmo mês do ano passado – 619 – e cerca de 55% do registrado em janeiro de 2021 -837. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados ao final desta quinta-feira.

O resultado demonstra sinais de desaceleração da economia, condizente com os números registrados nacionalmente – a nível nacional, a geração de emprego ficou em cerca de 53% do registrado em janeiro de 2022.

Foram 2.947 admissões e 2.479 desligamentos registrados no mês, no pior resultado para janeiro desde o início do Novo Caged, em 2020. Por gênero, as admissões foram paritárias: 1.473 homens admitidos e 1.474 mulheres.

Os jovens de 18 aos 24 anos responderam por um quarto das admissões, com 757, seguidos pelo grupo dos 30 aos 39, com 668. Já em termos de nível de formação, o Ensino Médio Completo respondeu por mais da metade das admissões: 1.579. Cargos de nível superior completo representaram 269 admissões.

O resultado de Janeiro foi puxado pela indústria de transformação, com 384 novos postos de trabalho. O segmento foi seguido por serviços, com 111 e pela construção civil, com 66.

Em contrapartida, o comércio, marcado pelo fim das contratações temporárias de fim de ano, registrou fechamento de 94 postos de trabalho.

A agropecuária registrou abertura de um posto de trabalho.

A função que registrou maior número tanto de admissões – 1.177 – quanto de desligamentos – 941 – foram Trabalhadores da Produção de Bens e Serviços Industriais. A função fechou o mês com saldo de 236 postos, pouco mais da metade do saldo geral do município.

Ao todo, são 70.716 empregados com carteira assinada no município.