Após 10 meses de obras com a loja aberta, a unidade Jaraguá do Sul do Fort Atacadista amanheceu nesta sexta-feira de cara nova, com a reinauguração do espaço.

A reabertura, fruto de "muito trabalho para manter tudo funcionando em meio às obras", segundo o gerente da loja, Carlos Mendes, foi aguardada com ansiedade pelos consumidores presentes.

A unidade do Fort em Jaraguá do Sul passou de 12 mil para 20 mil metros quadrados | Foto Renan Reitz/OCP Online
A unidade do Fort em Jaraguá do Sul passou de 12 mil para 20 mil metros quadrados | Foto Renan Reitz/OCP News

Ao todo, foram investidos R$ 15 milhões na reforma. A unidade do Fort Jaraguá ganhou 8 mil metros quadrados de área total construída, passando de 12 mil para 20 mil metros quadrados, com um aumento de 66% no espaço.

Somente de área de vendas são 6 mil metros quadrados, com um sortimento de aproximadamente 10 mil itens. A ampliação também gerou 80 empregos diretos, passando de 160 para 240 funcionários.

A reinauguração gerou 80 novos postos de emprego | Foto Renan Reitz/OCP News
A reinauguração gerou 80 novos postos de emprego | Foto Renan Reitz/OCP News

Segundo o vice-presidente comercial do grupo Pereira, João Pereira, o investimento equivale a uma loja completamente nova, e deve se pagar em três anos. "Essa conta quem vai pagar é a empresa, nada será repassado aos clientes, iremos manter nossos preços como sempre foram", ressalta Pereira.

O grande destaque após a reforma fica por conta do setor de carnes. A loja de Jaraguá do Sul é a segunda unidade do chamado "atacarejo"  a contar com um açougue de carnes frescas.

"Essa é a mais moderna loja de atacarejo em todo o setor, em toda a parte de estrutura, o trabalho por trás dos panos com software, tudo o mais moderno possível", garante. O grupo Pereira tem planejado até o fim do ano cinco outras lojas em Santa Catarina, e outras cinco dentro do período de 12 meses.

Consumidores destacam açougue

O espaço reformado foi recebido com bons olhos pelos clientes. "Tá show de bola, muito bom, não fica mais aquele aperto que ficava antes", diz o torneiro mecânico Adeilton José de Souza, ressaltando que em horários de maior movimento, as vezes era difícil circular pela loja .

A esposa, a técnica em enfermagem Tatiana Pereira de Mello de Souza, também elogiou a novidade do açougue de carne fresca. "Acho que não tinha nada do tipo antes, é bom ter essa oferta de carne fresca", diz.

Consumidores aprovaram as novidades | Foto Renan Reitz/OCP News
Consumidores aprovaram as novidades | Foto Renan Reitz/OCP News

O professor de geografia Julio César Chitolina elogiou o espaço físico e a variedade de produtos. "Os preços não mudaram muito, mas o espaço está melhor, mais organizado, mais fácil de encontrar as coisas", diz. A loja também aumentou  o número de caixas e o espaço para produtos perecíveis.

Habituado a fazer compras no atacado para sua lanchonete, o comerciante Paulo Franco estava interessado em ver as adições ao mix de produtos. "É interessante ver o que foi que mudaram e o que tem de novo", diz.

O açougue é um diferencial no mercado de atacarejo | Foto Renan Reitz/OCP News
O açougue é um diferencial no mercado de atacarejo | Foto Renan Reitz/OCP News

O prefeito Antídio Lunelli, presente na inauguração, destacou o caráter desenvolvimentista do empreendimento, ressaltando a potência econômica do município - a 5ª maior economia do estado .

"É esse caráter empreendedor, de quem vê em tempos de crise a oportunidade para investir, que faz do nosso estado e nosso município as potências que são", disse, destacando que cabe ao poder público viabilizar estes investimentos.

Ofertas marcaram reinauguração

A reinauguração foi marcada por produtos em oferta, válidas até este domingo, dia 10. Confira algumas:

  • Óleo de soja da marca leve por R$ 2,75 a garrafa de 900 ml;
  • Pizzas e lasanhas congeladas da marca Rezende por R$ 4,99;
  • Lasanha perdigão de 1 quilo por R$ 9,98 (8,99, no caso de duas unidades ou mais);
  • Linguiça calabresa da marca São Pedro por R$ 18,70 o pacote de 2,5kg;
  • Requeijão catupiry por R$ 8,79 o pote de 500g.

Produtos mais comuns como molho de tomate e feijão preto também estão com preços promocionais, a R$ 0,79 a unidade do molho Stella Doro de 340g e R$ 2,49 o pacote de 1kg de feijão preto Vila Nova. Os preços valem até domingo ou enquanto durarem os estoques.

Quer receber as notícias no WhatsApp?

Região de Jaraguá do Sul - Clique aqui

Região de Joinville - Clique aqui

Região de Florianópolis - Clique aqui