Uma oportunidade única para empresários e profissionais que pretendem prospectar novas possibilidades de negócios ou mercados, divulgando seus produtos e ampliando sua rede de networking. Assim o presidente da Associação das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedor Individual do Vale do Itapocu (Apevi), Marciano Aparecido Alves, vê a Feira Industrial de Produtos e Serviços (Fipes 2017), que está sendo realizada até esta sexta-feira (18) no Parque Municipal de Eventos, em Jaraguá do Sul, no Norte catarinense. “Diante de um cenário de retomada da economia, a empresa que não estiver preparada tende a ficar para trás”, afirma Alves. Segundo ele, momentos de crise devem ser vistos como uma oportunidade para rever e melhorar processos para que durante a retomada da economia, a empresa esteja ainda mais competitiva. Diante do cenário de recuperação econômica, a Apevi se motivou a realizar a Fipes, que deve ser realizada de dois em dois anos, mas que no ano passado foi suspensa justamente em função do momento econômico delicado que o país atravessa. Reunidos no Parque Municipal de Eventos, mais de 50 empresas e prestadores de serviços recebem profissionais e empreendedores, apresentando as tendências e apostas de mercado não só para Jaraguá do Sul, mas para todo o Estado. Com o tema “A Indústria em foco – Aproveite a retomada da economia e apareça”, o evento tem como objetivo estimular a troca de ideias e fomentar o surgimento de novos negócios, além de preparar as empresas para as oportunidades trazidas pela retomada da economia. LEIA MAIS: - Prefeito destaca ações em prol do empreendedorismo durante abertura da Fipes 2017 O município de Jaraguá do Sul é um dos parceiros da Apevi no evento e montou um estande onde o foco é o Distrito Industrial, que está sendo construído na rua Cesare Valentini, bairro Três Rios do Sul. Uma maquete do Centro de Inovação é o destaque do estande da Prefeitura. O projeto é do governo do Estado e terá 13 unidades em Santa Catarina. A construção de Jaraguá do Sul está na fase final e deve ficar pronta no primeiro trimestre de 2018. O prédio tem 2.970 metros quadrados e o investimento é de mais de R$ 5,5 milhões, sendo aproximadamente R$ 420 mil recursos do Município. Os visitantes também poderão conhecer o trabalho de 12 empresas incubadas no Núcleo de Inovação e Pesquisas Tecnológicas de Jaraguá do Sul – JaraguaTec, que expõe produtos e soluções de ponta voltadas para o aumento da produtividade na indústria. O evento é organizado pela Associação das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedor Individual do Vale do Itapocu (Apevi) e tem entrada gratuita. Nesta quinta-feira (17), às 19h, será realizada a palestra “Geração distribuída – sustentabilidade e economia com energia solar”, promovida pela WEG e comandada pelo engenheiro Fabio Shindi Tashima. Às 20h15, ocorre a palestra “Indústria 4.0”, com o professor Alex Kuhnen, da Fiesc. Nesta sexta (18), a feira pode ser visitada das 10h às 21h. Para maior comodidade, a organização recomenda que os visitantes façam um credenciamento prévio, que pode ser preenchido online pelo endereçowww.apevi.com.br/fipes2017. LEIA MAIS: - Em Jaraguá, Senai realiza etapa da Olimpíada do Conhecimento durante a Fipes 2017