Nesta semana, eventos digitais marcam as comemorações dos 70 anos da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc).

A programação abre nesta quarta-feira, dia 27, às 10h, no canal da Fiesc no YouTube, será realizada live sobre a indústria e as ações de enfrentamento ao coronavírus.

Na sexta-feira, dia 29, a partir das 10h30, a live inclui exposição do secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, que vai abordar as medidas do governo federal para manutenção da atividade econômica, do emprego e da renda durante a pandemia.

Também será realizado o lançamento do livro sobre os 70 anos da entidade e, a partir de São Paulo, o maestro João Carlos Martins fará uma apresentação cultural.

“O evento terá um formato diferente, adequado ao momento, mas não será menos importante”, resume o presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar.

Informações sobre a programação gratuita e como se inscrever para acompanhar os eventos estão disponíveis em www.fiesc.com.br.

As celebrações dos 70 anos da Federação têm como conceito “Estado da arte”, uma referência ao trabalho da indústria catarinense na transformação da matéria-prima em produtos acabados.

“Queremos homenagear os industriais e trabalhadores, porque produzir é uma arte. Para nós, é a oitava arte. E esses verdadeiros artistas, que escreveram a bela história da nossa indústria, são ainda mais importantes neste momento em que precisamos reinventar a nossa indústria e a nossa economia”, destaca Aguiar.

A entidade foi fundada em 25 de maio de 1950 por sete sindicatos industriais, sob a liderança de Celso Ramos, com o objetivo de trabalhar pelo fortalecimento do setor.

Celso Ramos, vindo do setor madeireiro e integrante de tradicional família de políticos de Lages, dirigiu a entidade até 1961, quando renunciou para assumir o governo do estado.

Ao longo destes 70 anos, a Federação e as entidades que fazem parte dela (SESI, SENAI, IEL e CIESC) deram contribuição fundamental para o crescimento do setor, que é destaque nacional e berço de marcas com forte presença internacional.

Mais do que isso, a história da Fiesc se confunde com o desenvolvimento econômico e social de Santa Catarina, pois uma indústria forte significa desenvolvimento para todos.

O livro dos 70 anos da Federação resgata os principais acontecimentos da indústria de Santa Catarina e das entidades que fazem parte da FIESC (SESI, SENAI, IEL e CIESC).

Foi produzido pela Editora Expressão e tem o apoio do BRDE e de uma série de organizações e empresas catarinenses.

O documento pode ser baixado gratuitamente na página da FIESC, onde também pode ser conferida a página especial sobre os 70 anos da entidade.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul