Fapesc concede R$1,5 milhão em fomento para pesquisa na área de resíduos sólidos

Pesquisadores de Instituições de Ensino Superior e de Instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação podem submeter projetos – Foto: Milena Nandi/Fapesc

Por: Pedro Leal

02/03/2024 - 08:03

O Governo do Estado divulgou nesta sexta-feira, 1º de março, uma importante ação voltada ao incentivo à pesquisa na área ambiental. Por meio do edital de chamada pública 06/2024 da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), serão destinados R$ 1.5000,00 para um projeto na área de gestão, tratamento e valorização de resíduos sólidos urbanos, industriais e agrícolas.

O edital faz parte do Programa de Pesquisas na Área de Gestão, Tratamento e Valorização de Resíduos Sólidos (PPRes) que pretende orientar as políticas públicas do setor e promover o desenvolvimento sustentável e a melhoria da qualidade de vida dos catarinenses. É voltado para pesquisadores de Instituições de Ensino Superior (IES) e Instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICTIs) e os interessados, podem submeter propostas no sistema SIG Fapesc até o dia 1º de abril de 2024.

Entre os itens financiáveis permitidos pelo edital estão equipamentos, materiais permanentes, inclusive bibliográfico, material de consumo, serviços de terceiros e bolsistas. O projeto selecionado terá prazo de 24 meses para execução, após a assinatura do Termo de Outorga, prorrogáveis por mais seis meses.

A diretora de Ciência, Tecnologia e Inovação da Fapesc, Valeska Tratsk, salienta que o edital está dentro das ações da fundação como signatária do Movimento Nacional dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e alinhado com a Política Nacional de Resíduos Sólidos e o Plano Estadual de Resíduos Sólidos de Santa Catarina. Ela explica que, entre os objetivos do edital está a promoção de pesquisas científicas e tecnológicas e em rede que contribuam para a atualização dos dados sobre a geração de resíduos em Santa Catarina e para a criação e melhoria das iniciativas de gestão, tratamento e valorização de resíduos sólidos.