Para auxiliar os brasileiros em uma jornada financeira saudável e reduzir a dificuldade de boa parte dos brasileiros com palavras e expressões do universo financeiro, a Serasa disponibiliza o dicionário Falando Dinheirês. Com linguagem acessível e simplificada, o glossário foi elaborado por especialistas da própria Serasa e traduz quase 200 termos usados com frequência no noticiário econômico ou no relacionamento entre clientes e bancos, como: agente financeiro, pecúlio, Pix, entre outros verbetes.

De acordo com Diego Santos, gerente da área de experiência do cliente na Serasa, a falta de conhecimento pode gerar, muitas vezes, um distanciamento de um tema que deveria estar presente no dia a dia dos brasileiros: “Ao atender milhares de usuários, todos os dias, percebemos a necessidade de gerar meios de facilitar a compreensão de inúmeros termos nem sempre familiares para a maioria da população”, comenta.

Com sistema de busca para facilitar a localização do termo procurado, o Falando Dinheirês reúne de abono salarial na letra A à Zona Franca na letra Z, sempre com o objetivo de facilitar a compreensão e descomplicar rotinas.

No caso de Liquidez, por exemplo, o usuário encontra, de forma didática o que é a capacidade de conversão de um bem em dinheiro: “Bens de maior liquidez são mais facilmente trocados por dinheiro (depósitos em poupança, por exemplo). Já os de menor liquidez têm mais dificuldade de ser trocados (como imóveis, fundos imobilizados etc.)”.

Firme no propósito de estimular a educação financeira dos brasileiros, a Serasa disponibiliza ainda outros conteúdos informativos e educacionais para apoiar a saúde econômica das famílias.