Com o número de inadimplentes no Brasil batendo quase chegando aos 63 milhões, de acordo com dados do Serasa, muitos estão à procura de formas de quitar suas dívidas.  Contudo, a burocracia dos bancos costuma ser um impedimento na hora de conseguir um empréstimo pessoal.

É verdade que muitas instituições financeiras que oferecem empréstimo pessoal podem ter procedimentos burocráticos e demorados. Mas isso não é regra — há no mercado opções de empréstimo sem burocracia, como aquelas ofertas totalmente pela internet.

Empréstimo com bancos: muita burocracia

Historicamente, os grandes bancos eram os canais pelos quais os brasileiros conseguiam produtos financeiros, inclusive financiamentos e empréstimos pessoais. Contudo, com o advento das chamadas fintechs, startups que revolucionaram a forma como o cidadão comum lida com serviços financeiros, muita da morosa burocracia ligada aos procedimentos bancários mudou ou foi eliminada.

Além de incluir apresentação de comprovante de renda, carteira de trabalho e outros documentos originais e um processo de solicitação que leva, em geral, mais do que 7 dias para conseguir o dinheiro, ser aprovado em um pedido de empréstimo com essas instituições pode ser um obstáculo intransponível a muitos brasileiros, especialmente àqueles com um histórico ruim de crédito.

O empréstimo sem burocracia

O empréstimo sem burocracia acontece complemente pela internet e é uma alternativa para os empréstimos lentos e burocráticos ofertadas pelos bancos. Ele é oferecido por empresas como o MoneyMan, uma das fintechs que tem como objetivo facilitar o acesso a crédito para quem precisa de dinheiro rápido e não possui bens como garantia. O processo é completamente seguro e o dinheiro cai na na conta do solicitante em cerca de 48 horas, quando aprovado.

O processo de empréstimo online no MoneyMan acontece com os quatro passos a seguir: 1. O solicitante faz a simulação do empréstimo, preenchendo na calculadora automática a quantia que precisa e o tempo em que pretende pagar; 2. O simulador retorna automaticamente o valor fixo das parcelas do empréstimo; 3. O solicitante preenche os dados cadastrais, incluindo os dados da conta bancária, que só poderá ser visualizada para análise de crédito e para garantir que a titularidade é a mesma de quem faz o pedido; 4. O solicitante confirma as condições, aceita os termos do contrato e confirma o pedido.

Para avaliar seu perfil dar a resposta do pedido, é feita uma uma análise criteriosa por meio de algoritmos que avaliam a conta do solicitante e o score de crédito, o que permite reduzir a burocracia do processo, que leva, no máximo, 48 horas. O sistema de análise busca oferecer opções que se adequam melhor ao perfil e às suas necessidades de cada solicitante e agilizar ainda mais o processo para oferecer o melhor empréstimo.

Não é preciso também enviar nenhum documento no momento da solicitação. Para fazer o pedido, basta ter mais de 18 anos e não ter pendências com seu CPF junto à Receita. É importante também que todos os dados, especialmente a conta bancária, estejam no próprio nome do solicitante.