Por meio do Núcleo de Hospitalidade da Associação Empresarial de Jaraguá do Sul (Acijs), especialistas se reúnem nos dias 9 e 10 (quarta e quinta-feira) em um encontro virtual que debaterá o atual cenário e as perspectivas para o desenvolvimento do turismo na região.

Em sua terceira edição, o Seminário de Turismo tem o apoio da Prefeitura e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação de Jaraguá do Sul.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas no site da Acijs e pelo e-mail eventos@acijs.com.br. O evento terá transmissão pela plataforma Zoom.

O Seminário de Turismo tem abertura no dia 9, às 14h30, com palestra de abertura do professor universitário, escritor e viajante Charles Zimmermann falando sobre o tema

“Novos olhares sobre o turismo – a perspectiva dos viajantes autônomos e autoguiados”.

Na sequência, ocorrem dois painéis:

  • Cicloturismo e eventos como estratégia de redução da sazonalidade nos destinos turísticos”, com Cleiton Dias (Circuito das Araucárias e Vale dos Encantos) e Marines Ronchi (Pedal da Mari), com mediação de Marcelo Nasato (Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação);
  • Gastronomia: Identidade, saudabilidade e inovação”, terá a participação de Alex Caputo (Restaurante Compota), Elisiane Chiodini (Mãejerona Restaurante) e Angela Schroeder (Schroeder Platz), com mediação da líder do Núcleo de Hospitalidade, Cintia Buzian.

No dia 10, a programação se inicia com a palestra “Turismo religioso: fé e espiritualidade como impulsionadoras da retomada pós-pandemia”, com o empresário, turismólogo e jornalista Carlos Augusto Silveira Alves, mestre em Turismo Religioso e consultor com atuação em diversos destinos brasileiros.

Dois painéis complementam a agenda:

  • Desenvolvimento de rotas, caminhos e destinos de turismo religioso”, com a participação de Edna Bittencourt (Fraternidade Padre Aloísio Boeing), Marcos Jaboski (Santuário Santa Paulina) e mediação de Nathalia Heringer, coordenadora de Turismo do Sebrae de Minas Gerais;
  • Agroturismo: valorização da cultura local, diversificação de experiências e atração de turistas” apresentará as oportunidades com propriedades rurais de Jaraguá do Sul, com Evandro e Andressa Rux (Casa Rux) e o roteiro Raízes Coloniais de Gramado, Rio Grande do Sul, com moderação de Lucilene Assing, da Associação de Agroturismo Acolhida na Colônia.

Potencial para a valorização de atrativos da região

Cintia Buzian, líder do Núcleo de Hospitalidade, ressalta a importância do setor discutir temas que são relevantes não só no atual cenário, em que a economia de maneira geral sofre os reflexos causados pela pandemia, como na perspectiva de avanços para os próximos meses quando da plena retomada das atividades.

Ela destaca na agenda a apresentação de produtos que já são conhecidos, mas também de novas vertentes na atividade turística, como é caso do agroturismo, que vem se expandindo em todo o Brasil e tem na região um grande potencial natural a ser explorado.

“Esse segmento já tem atraído visitantes, como também temos oportunidades com o ciclo turismo e o turismo religioso, associados a uma gastronomia típica e variada que agrega valor na cadeia do turismo. Tem sido um ano em que o segmento foi impactado, tivemos muitos desafios, mas é importante aliar esforços de todos os setores, a iniciativa privada, o poder público e entidades organizadas do trade, vislumbrando oportunidades no período pós-pandemia”, observa, sobre a importância do setor estar preparado e estruturado com produtos e serviços.

“O setor aposta muito no turismo regional, pela qualidade dos atrativos e pela proximidade que os visitantes têm de acesso aos roteiros, reunir essas expertises é um caminho para uma qualificação ainda maior e com resultados positivos para todos”, acentua Cintia.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul