Luanna de Lima Américo, de Jaraguá do Sul, é uma das três estudantes do Senai que chegaram à fase final e foram vencedoras da edição 2020 do Concurso Cultural “Combate ao Trabalho Infantil e Proteção a Adolescentes no Trabalho”.

Junto com Luanna, também foram vencedoras do prêmio estadual Laura Peixer Amorim, de São João Batista, e Lidia Lara dos Santos, de Itajaí, representando a entidade no concurso que promove reflexões sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e desenvolve a criatividade e a inovação.

O resultado foi anunciado nesta quarta-feira (14) e as alunas premiadas com um notebook cada uma.

O desafio é destinado a jovens de 14 a 18 anos que participam dos programas sociais e de aprendizagem das entidades que atuam em Santa Catarina e são participantes do Fórum Catarinense de Aprendizagem Profissional (FOCAP) e do Fórum Estadual de Erradicação de Trabalho Infantil e Proteção do Adolescente no Trabalho de Santa Catarina FETISC.

A proposta estimula o debate sobre conteúdos voltados ao combate ao trabalho infantil e à proteção de adolescentes no trabalho para fortalecer o protagonismo e a cidadania infanto-juvenil.

Os vídeos vencedores podem ser acessados nos links abaixo:

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul