Foto Fábio Junkes/OCP News
Foto Fábio Junkes/OCP News

Em parceria com entidades varejistas, a ação de estímulo ao comércio do Governo Federal, a Semana do Brasil, que começou no dia 3, se encontra em seus últimos dias, encerrando neste domingo, dia 13. Esta é a segunda edição do evento.

“A Semana Brasil deve aquecer as vendas no comércio catarinense, principalmente nas lojas virtuais e e-commerce. Esta é a oportunidade de oferecer condições especiais aos consumidores e liquidar os estoques em um mês tipicamente fraco", pontua o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt.

Segundo ele, o comércio catarinense já dá sinais de recuperação e começou a apresentar números mais animadores em alguns segmentos.

Implementado pela primeira vez no ano passado, a ideia do movimento é aquecer o comércio em todo o país durante o feriado da Independência, que passou nesta segunda-feira, 7 de setembro.

Tradicionalmente, o período tem pouco apelo promocional, entre o Dia dos Pais e o Dia das Crianças, ambas datas com foco específico. A próxima grande data do comércio é apenas em novembro: a Black Friday, no dia 27, copiada de ações do tipo nos EUA.

A presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Jaraguá do Sul, Talita Beber, entende a importância dessa iniciativa, principalmente, em um mês no qual há uma lacuna entre datas comemorativas.

Talita Beber | Foto Pedro Leal/OCP News

"Percebemos que, esse ano, houve um engajamento ainda maior da classe lojista. Com isso, pode-se aumentar as oportunidades de vendas", acredita Beber.

Como a ação está em seu segundo ano, ainda é difícil estabelecer um comparativo dos impactos, ainda sem um levantamento por parte da FCDL de Santa Catarina.

Engajamento dos lojistas

A iniciativa foi articulada pela Secretaria de Comunicação (Secom) do governo federal, em parceria com o Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV).

A ação tem como inspiração o varejo norte-americano, que costuma realizar promoções em feriados nacionais históricos.

O lema da Semana do Brasil neste ano é “Vamos em frente, com cuidado e confiança”, por causa da pandemia de Covid-19.

Para o período, tanto a CDL de Jaraguá do Sul quanto o Jaraguá do Sul Park Shopping prepararam ações de divulgação, enquanto os varejistas ligados às duas entidades oferecem promoções diversas.

Para evitar a aglomeração nos estabelecimentos, os empresários adequaram as ações promocionais às normas de segurança sanitária de cada local.

Foto Agência Brasil

A CDL de Jaraguá do Sul divulgou a ação entre os associados no intuito de estimular a participação, apoiando as vendas, gerando uma nova oportunidade para os estabelecimentos e clientes e também ajudando na economia como um todo.

"Porém, também reforçamos a necessidade de se manter os cuidados de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, como uso de máscara e de álcool gel", afirma Talita Beber.

Além disso, os associados são incentivados a utilizarem os serviços de agendamento de atendimento, drive-thru, delivery e take away.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul