A jaraguaense Bold, que, com 19 anos de trajetória, tem se consolidado como uma referência na fabricação e distribuição de chapas de acrílico, policarbonato e ACM, atendendo demandas da indústria, e de setores como o da comunicação visual e construção civil.

Apesar do impacto da pandemia sobre a economia, a empresa registrou 30% de crescimento em 2020.

Tendo que se reinventar, a Bold passou a fabricar itens em acrílico voltados ao combate ao coronavírus, como protetores faciais, por exemplo.

A marca passou também a ter operações em um dos ambientes financeiros mais importantes do mundo: Hong Kong, na Ásia.

O centro de negócios global já conta com um escritório da corporação em funcionamento e a nova unidade terá papel fundamental nas movimentações realizadas pelo grupo, fazendo a ponte entre os países da Ásia, Europa, África, Oceania e América do Norte.

A entrada no mercado asiático faz parte do plano de expansão e internacionalização da empresa, que conta com mais de 500 colaboradores e possui 20 mil clientes espalhados pelo globo.

Com unidades também na capital mineira, Belo Horizonte, Curitiba, no Paraná, Diadema e São José do Rio Preto, em São Paulo, além da sede no município catarinense de Jaraguá do Sul, e duas operações na Colômbia, a marca movimenta 750 toneladas de produtos ao mês.

Somente a fábrica de chapas acrílicas chega a produzir até 200 toneladas ao mês, desenvolvendo o produto em diversas formas, cores e tamanhos e espessuras.

Clientes internacionais

Diante da capacidade de produção, e qualidade dos materiais, a Bold conquistou clientes de mais de 30 países nos mercados de comunicação visual, indústria e construção civil, tecnologias de ponta e inovação.

A estrutura estrategicamente montada em Hong Kong amplia a presença da marca em território internacional, impulsiona novos negócios e vai ao encontro do momento de crescimento vivenciado pelo grupo.

“Desde a fundação, a Bold busca ser referência nos mercados em que atua, focando em crescer de forma rápida, constante e sustentável através do fornecimento de oportunidades e soluções flexíveis que agreguem valor aos clientes. Para isso, investimos fortemente em pesquisa e desenvolvimento de novos produtos, serviços e mercados”, resume o presidente da organização, Ralf Sebold.