O dólar abriu a semana em queda acentuada, segundo informações da Reuters.

Logo após a abertura desta segunda-feira (30), acompanhando a fraqueza da moeda norte-americana no exterior e reagindo ao aumento do volume ofertado pelo Banco Central do Brasil em leilão de swap cambial, a moeda americana operava em queda.

Por volta das 9h56, o dólar recuava 0,17%, a R$ 5,317 na venda.

Na B3, o dólar futuro tinha queda de 0,76%, a R$ 5,3035.

No último pregão, na sexta-feira (27), o dólar negociado no mercado interbancário registrou perda de 0,19%, a R$ 5,3261 na venda.

O Banco Central aumentou o volume ofertado em leilão de rolagem de swap cambial tradicional previsto para esta segunda-feira, para um ritmo que, se mantido até o fim do mês, representará colocação líquida de dólares no mercado futuro.

A autarquia anunciou na sexta-feira que, entre 11h30 e 11h40 desta segunda, disponibilizaria 16 mil contratos de swap cambial, ou 800 milhões de dólares, para rolagem do vencimento 4 de janeiro de 2021.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul