Durante live semanal nesta quinta-feira (25), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo pretende pagar mais três parcelas do auxílio emergencial.

Os novos valores seriam de R$ 500, R$ 400 e R$ 300. Segundo Bolsonaro, a prorrogação está confirmada, mas os valores das parcelas ainda estão em estudo.

"Os números não estão definidos ainda, mas a gente vai prorrogar por mais dois meses, tá certo? O auxilio emergencial vai partir para uma adequação. Serão, com toda certeza, R$ 1,2 mil reais, em três parcelas. Basicamente, deve ser desta maneira. Deve ser, estamos estudando, deve ser R$ 500, R$ 400 e R$ 300 em dois meses", declarou o presidente.

A terceira parcela do benefício, conforme o ministro da Economia Paulo Guedes, começará a ser paga neste sábado (27).

Nesta quinta, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), voltou a defender que haja mais duas parcelas do auxílio, no valor de R$ 600, como pago atualmente.

Com informações do G1

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul