Blumenau registrou o 4º maior Produto Interno Bruto (PIB) entre os municípios de Santa Catarina, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados nesta quarta-feira (16). Os valores se referem à passagem de 2017 para 2018.

Em 2018, a soma de todas as riquezas produzidas em Blumenau foi de R$ 16,9 bilhões, uma alta de 5,6% em relação a 2017, quando o valor levantado foi de R$ 16 bilhões.

As duas cidades com o PIB mais elevado no estado, de acordo com o IBGE, foram Joinville e Itajaí. Na cidade mais populosa de Santa Catarina, o PIB subiu 12,4%, de R$ 27,3 bilhões para R$ 30,7 bilhões. Já no município portuário, a produção de riquezas avançou de R$ 21,9 bilhões para R$ 25,4 bilhões, alta de 15,8%.

A lista das cinco maiores economias tem ainda Florianópolis (R$ 21 bilhões) e São José (R$ 10,6 bilhões). Depois, aparecem Chapecó (R$ 9,6 bilhões), Jaraguá do Sul (R$ 8,9 bilhões), Criciúma (R$ 7,6 bilhões), Brusque (R$ 6,3 bilhões) e Balneário Camboriú (R$ 5,5 bilhões).

O PIB de Santa Catarina foi de R$ 298,2 bilhões em 2018, 3,7% maior do que em 2017. A concentração econômica segue alta: 68% deste valor veio de apenas 30 municípios catarinenses.

Das 295 cidades do estado, 237 apresentaram variação positiva do PIB. As maiores altas ocorreram em Capivari de Baixo (+82,3%), Imbuia (+44,4%) e Aurora (+26%). Por outro lado, 58 cidades tiveram retração, com maiores quedas em Frei Rogério (-26,7%), Morro Grande (-21,4%) e Urupema (-20,4%).

Receba as notícias do OCP no seu WhatsApp: