Foto Divulgação
Foto Divulgação

Nesta quinta-feira (21), o empresário Benyamin Parham Fard assume a presidência da Associação de Micro e Pequenas Empresas, do Empreendedor Individual e Startups do Vale do Itapocu (Apevi), sucedendo Marciano Alves, que encerra o seu segundo mandato na função. O cerimonial da posse ocorre no Centro Empresarial de Jaraguá do Sul (Cejas).

Benyamin assume a tarefa em meio a uma reinvenção do papel da entidade, que ao final de 2018 passou a abranger também as startups - empresas com potencial de crescimento exponencial em atividades de tecnologia.

Outro objetivo da entidade é contribuir para Jaraguá do Sul se tornar um pólo de desenvolvimento tecnológico, assim como na produção industrial.

Embora se enquadrem no conceito de "micro-empreendedor", o setor das startups tem demandas próprias, com as quais Benyamin tem experiência através da aceleradora de empresas Spin Exponential Business, da qual é CEO e fundador.

Estima-se que existam cerca de 62 mil empreendedores e 6 mil startups no país. O número é mais do que o dobro registrado há seis anos, quando o país ainda começava a discutir o modelo e a perceber o nascimento do novo mercado.

Em 2012, haviam 2.519 startups cadastradas na Associação Brasileira de Startups (ABStartups). Reportagem da Agência Brasil mostra que em 2017, o número saltou para 5.147.

Outros dez nomes se juntam à diretoria da Apevi:

  • Marcelo Beduschi (administrativo);
  • Diego Samuel Garcia (financeiro);
  • Martha Jark Stern Bianchi (jurídico);
  • Valmor Coleto (de capacitação e núcleos);
  • Evandro Pacheco (comercial);
  • Gustavo Pacher (relações institucionais);
  • Ricardo Dacol (de soluções);
  • Guilherme Vogel (marketing e comunicação);
  • Marco Antônio Murara (educação empreendedora);
  • Marcelo Odorizzi (tecnologia e inovação).

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?