Após decisão do STF, WEG vai reconhecer R$ 510 milhões no segundo trimestre

Foto Arquivo/OCP News

Por: Pedro Leal

23/06/2021 - 10:06 - Atualizada em: 23/06/2021 - 10:45

Devido às mudanças na base de cálculo do PIS e da Cofins, com a exclusão do ICMS dos valores a serem pagos pela companhia, a WEG informou nesta terça-feira (22) que deve reconhecer no balanço do segundo trimestre uma soma de R$ 510 milhões em valores a serem recuperados pela companhia.

Segundo fato relevante, a medida vem após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) referente à exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS e da Cofins pagos pela companhia.

“Com base em tais levantamentos a melhor estimativa dos valores a serem recuperados pela companhia, antes dos efeitos fiscais, é de R$ 510,1 milhões, que serão reconhecidos nas demonstrações financeiras do segundo trimestre de 2021”, afirmou a WEG no documento, encaminhado para investidores e a imprensa.