O alto valor da tarifa de água na cidade de Criciúma foi o assunto da Tribuna Livre desta terça-feira, no Legislativo.

O superintendente da Cisam-Sul, Antônio Willemann, veio à Câmara de Vereadores, por solicitação do vereador pastor Jair Alexandre.

“A população está indignada com esse valor. Tivemos uma Comissão que vem acompanhando os valores e chegamos a ir até a sede da entidade, em Orleans. Fizeram o levantamento dos custos, mas é muito alto e a população está reclamando”, comentou o pastor Jair Alexandre.

Willemann citou os custos de produção, mencionou que tudo foi rigorosamente discutido até chegar a definição dos valores e salientou que eles têm certeza que o estudo feito contempla o uso consciente e busca estimular a economia.

“Estamos ao lado da população. A nossa responsabilidade é grande. Infelizmente a nova planilha entrou em vigor a partir do momento de uma pandemia”, comentou.

Verificação

Ele ressaltou ainda que se a conta estiver errada, o contribuinte deve pedir para que seja verificada.

Superintendente da Cisam-Sul, Antônio Willemann, veio à Câmara de Vereadores, por solicitação do vereador pastor Jair Alexandre / Fotos: Divulgação

“Vamos conferir e verificar também se não teve aumento de consumo. Pelo nosso estudo, e pela nossa realidade, as contas tiveram redução”, finalizou.

A Cisam-Sul é a entidade responsável pela regulação e pela fiscalização dos serviços prestados no âmbito da gestão associada de saneamento básico do Município de Criciúma, em consonância com as leis federais 11.445/07, 12305/10 e com o art. 241, da Constituição Federal de 1988.