Em 2020, mais de 28 mil pessoas foram impactadas pelas ações do projeto Startup SC, do Sebrae em Santa Catarina. A necessidade de tornar digitais todas as iniciativas e eventos do projeto fez quadruplicar o número de participantes nas principais ações de fomento ao empreendedorismo.

O total de inscritos foi: 25 mil pessoas no CASE Startup Summit; 2.708 em cinco edições do Meetup Startup SC; 427 em duas edições do Startup Weekend; e 132 pessoas de 50 startups participantes do Programa de Capacitação.

Em 2021, com o restabelecimento das condições sanitárias para encontros presenciais, a expectativa do Startup SC é voltar com as ações realizadas em ambientes físicos. Já estão programados 19 Startup Weekends em diversas cidades catarinenses.

 

 

Também entram na agenda duas missões empreendedoras, uma internacional para o Web Summit e outra nacional, para a Conferência Anual de Empreendedorismo (CASE). A quarta edição do Startup Summit; os programas Galápagos, Investidores Anjo e Zero Um Startups; os Meetups Startup SC; e a 11ª Turma do Programa de Capacitação Startup SC, são algumas ações do projeto para 2021.

A iniciativa do Sebrae Santa Catarina atua no ecossistema catarinense há sete anos, fomentando o empreendedorismo em tecnologia e a união no setor. Em 2020, o maior evento online de empreendedorismo e startups da América Larina, o CASE Startup Summit, foi feito em parceria pelo Sebrae, ACATE e ABStartups. Em dezembro, o evento foi reconhecido com o prêmio Top em Marketing e Vendas, da ADVB Santa Catarina.

Alexandre Souza, gestor do projeto, diz estar “muito animado com o impacto amplo de pessoas ao redor de todo o país, com as ações do Startup SC neste ano.” O gestor também afirma que 2020 foi um tempo de muitos desafios, mas o acesso digital levou a recordes de inscrições. “Pessoas em vários cantos do Brasil puderam acompanhar e se inspirar em ações empreendedoras desenvolvidas em Santa Catarina, estabelecendo o ecossistema de tecnologia do estado como um dos mais influentes do país.”

Em 2020 a iniciativa contou como mantenedores as empresas AMBEV, AILOS, B3, 49 Educação, Ágora Tech Park, DOT Digital Group e Silva Santana & Teston.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp