Neste domingo (13), se comemora o Dia das Mães e o comércio segue confiante para esta data. Segundo a pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), a expectativa é que as vendas superem os últimos cinco anos.

O levantamento aponta também que o valor médio gasto por pessoa será de R$ 152,98. Na busca pelo presente ideal, o que vale é a criatividade: serviços, produtos, eletrônicos, entre outros. Pensando nisso, o Procon de Schroeder sugere algumas dicas para as compras. Confira:

1. Fique dentro do seu orçamento

Antes de ir às compras, estabeleça um orçamento limite. Sair de casa com o presente ideal em mente também é uma boa dica. Se possível, tenha em mãos os panfletos distribuídos, assim o consumidor poderá exigir do lojista o preço anunciado.

2. Atente-se a qualidade do item

Verifique a situação dos produtos na hora da compra. No caso de vestuário, a troca é obrigatória caso a peça apresente algum defeito. Quem optar por presentear a mãe com um celular, a dica é optar por lojas autorizadas. Não esqueça de testar os eletroeletrônicos. Em caso de perfumes, verifique a validade e volume.

3. Evite produtos "piratas"

Embora sejam ofertados por preços mais baixos, produtos falsificados, podem representar risco. Como são vendidos sem garantia e nota fiscal, você não terá como reclamar caso ocorra algum problema. Além da ilegalidade, não há qualquer garantia de troca ou conserto.

4. Escolha bem o modo de pagamento

Se o consumidor optar pelo pagamento com cartão de débito ou crédito, o lojista não poderá exigir um valor mínimo para esta modalidade. Já quando o pagamento for em cheque, é importante que conste na nota fiscal a data de compensação.

5. Certifique-se da possibilidade de trocas

Quando não há defeitos em um produto, a troca fica a critério do lojista. Por isso, consulte o vendedor sobre a possibilidade de troca e caso a loja se comprometa com isso, peça a especificação em nota fiscal ou qualquer outro documento.

6. Verifique os prazos de compras pela internet

O consumidor que optar pelas compras on-line, tem o direito de arrepender-se no prazo de até 7 dias a partir do recebimento do produto ou serviço. Nesses casos, é possível cancelar a compra e garantir a restituição dos valores pagos.

Foto destaque: Images Habeco. Com informações de assessoria de imprensa.