Sol volta a predominar em Santa Catarina neste fim de semana

Foto: Eduardo Valente/Governo de SC

Por: Elisângela Pezzutti

04/11/2023 - 08:11 - Atualizada em: 04/11/2023 - 08:50

Após as fortes chuvas dos últimos dias, o sol volta a predominar em Santa Catarina neste fim de semana. Este sábado (4), começa com mais nuvens do centro ao sul do estado, devido ao deslocamento de umidade, provocado pelo giro do ciclone extratropical no mar. No decorrer do dia a nebulosidade diminui à medida que o ciclone se afasta para alto mar. Nas demais regiões do estado o sol predomina desde o início do dia.

O vento de sul/sudoeste com intensidade moderada, de 30 a 40km/h, e com rajadas mais intensas do Meio-Oeste ao litoral (45 a 65 km/h), sendo ainda mais fortes no mar. O risco associado ao vento é moderado. Temperaturas baixas no amanhecer com mínimas entre 3 e 8°C do Oeste aos planaltos e variando entre 9 e 15°C no litoral e Vale do Itajaí. Devido aos acumulados de chuva dos dias anteriores, o risco segue alto para deslizamentos.

Mar muito agitado, com ondas de sul de 2,0 e 2,5m em todo o Litoral e picos de 3,0 a 4,0m do Litoral Sul até Grande Florianópolis, com risco moderado a alto para ocorrências relacionadas à agitação do mar e a ressaca.

Domingo

Domingo (5), de tempo firme e ensolarado em toda SC, por influência da massa de ar seco e frio. Vento fraco com direção variada na maior parte do dia e virando para nordeste no final do período. Faz frio no amanhecer, com temperaturas mínimas próximas a 0°C no Meio-Oeste e Planaltos e entre 7 e 12°C nas demais regiões. À tarde esquenta e as máximas oscilam entre 22 e 24°C, em todo o estado com pontuais acima dos 26°C no Oeste e Litoral. O mar permanece muito agitado com ondas entre 2,0 a 2,5m e picos acima de 3,0m em toda a costa catarinense, com risco moderado a alto para ocorrências associadas à agitação marítima e ressaca.

Tendência para os próximos dias

Na segunda (6), e terça-feira (7), o tempo permanece estável em SC, com predomínio de sol. Há apenas indicativo de aumento de nuvens no Extremo Oeste na tarde da terça-feira, por causa de instabilidades que se formam no Paraguai e que só avançam para SC na madrugada da quarta-feira (8).

*Com informações da Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Proteção e Defesa Civil