Novo presidente da Companhia Águas de Joinville assume cargo nesta segunda (16)

Foto: Prefeitura de Joinville

Por: OCP News Joinville

16/01/2023 - 16:01 - Atualizada em: 16/01/2023 - 16:15

Com dez anos de experiência em gestão de empresas que atuam com a concessão de serviços de água e esgoto, Sidney Marques de Oliveira Junior assumiu nesta segunda-feira (16) o cargo de diretor-presidente da Companhia Águas de Joinville.

O novo presidente tem uma sólida carreira profissional de 25 anos e é formado em Ciências Contábeis, com pós-graduação em Administração Financeira, MBA em Gestão Financeira e de Infraestrutura e mestrado em Administração de Empresas. Já trabalhou em empresas responsáveis pelos serviços de água e esgoto em São Paulo e Mato Grosso do Sul.

 

 

Sidney assume com o propósito de dar andamento aos investimentos, projetos e obras que serão implementados a partir dos financiamentos captados pela Companhia.

Em 2022, a Águas de Joinville teve o maior resultado de investimentos desde a sua criação: 161,7 milhões direcionados para obras de esgoto e também melhorias em água. Em 2021, foram investidos R$ 59 milhões. Há um cronograma para ser executado nos próximos 10 anos.

Melhorias na rede de água

Hoje o índice de cobertura de água em Joinville é de 99,2%. Apesar de já atender o que preconiza o Marco Legal do Saneamento (99%), diversas obras ampliaram e melhoraram o sistema de distribuição na cidade.

São exemplos desse avanço, a duplicação da Estação de Tratamento de Água (ETA) do Cubatão, a ampliação do sistema de abastecimento nas margens da Rodovia do Arroz (SC-108), e a obra de substituição das antigas tubulações de água da rua Blumenau, na qual foram implantados 5 mil metros de novas tubulações nos passeios.

Em 2023, a Companhia entrega a obra do Distrito de Medição e Controle (DMC) no Bucarein, e inicia a implantação do Sistema Piraí Sul, nessa primeira etapa com a construção da nova tubulação que levará a água da futura estação Piraí Sul aos reservatórios.

Investimentos na coleta e tratamento de esgoto

Avança também a implantação da rede de esgoto na cidade. As obras na zona Sul vão beneficiar cerca de 63 mil moradores dos bairros Parque Guarani, João Costa, Petrópolis, Itaum e Fátima. Há melhorias também nos bairros Boa Vista, Vila Nova, Jardim Paraíso, Jardim Sofia e Vila Cubatão.

A construção da nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Jarivatuba, hoje a maior de Santa Catarina em operação, a entrega da ampliação da capacidade da ETE Espinheiros, e o início da construção da ETE Jardim Paraíso complementam os investimentos para a expansão da rede de coleta e tratamento.

Atualmente, o percentual de cobertura de esgoto em Joinville é de 43%, sendo que 100% do esgoto coletado é tratado e devolvido limpo aos rios.

Captação de recursos

A Companhia Águas de Joinville assinou, em junho de 2022, um contrato de financiamento de 45 milhões de euros, cerca de R$ 247 milhões na cotação atual, com a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD). Os recursos serão destinados a projetos de água e esgoto, com foco em redução de perdas, melhoria da segurança hídrica e avanços na cobertura de esgotamento sanitário.

Em dezembro de 2022, a Águas de Joinville também recebeu a aprovação das minutas contratuais do programa de financiamento denominado Programa de Saneamento Básico Sustentável de Joinville (PROSAJ), concedida pelo Ministério da Economia e Diretoria do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O financiamento destinado ao Programa é de US$ 128 milhões, cerca de R$ 660 milhões. Agora, a Companhia providencia a documentação para encaminhar ao Governo Federal visando a aprovação final e assinatura do contrato.

Todas as obras integram também o Programa Joinville Bem Tratada, que reforça o propósito da Companhia de melhorar a qualidade de vida das pessoas com serviços de saneamento de excelência.