Mulher de 60 anos dá à luz no interior de São Paulo: ‘nos chamaram de loucos’

Foto: Divulgação/Santa Casa de Assis

Por: Elisângela Pezzutti

11/10/2023 - 15:10 - Atualizada em: 11/10/2023 - 15:27

Uma mulher de 60 anos teve sua segunda filha depois de realizar um procedimento de fertilização in vitro. O parto, uma cesariana sem complicações, aconteceu no último domingo (8), na Maternidade da Santa Casa de Assis, no interior de São Paulo.

Vilma e Constantino di Raimo, que já são pais de uma filha e avós de dois netos, desejavam muito ter mais um filho. Mas, devido ao trabalho e estudos, a professora e o agricultor foram adiando o sonho, que se tornou realidade neste dia 8 de outubro.

O casal relatou ter enfrentado muitos preconceitos e opiniões contrárias, até da própria família, que os chamaram de ‘loucos’. “Fui deixando as coisas amargas de lado para que eu pudesse ter uma gravidez saudável”, disse Vilma.

Ajuda médica especializada

Vilma e Constantino procuraram ajuda médica especializada em reprodução e foi realizada uma fertilização in vitro. “Eles tinham um sonho e quando me procuraram eu disse que era possível. Durante todo o percurso tivemos dificuldades, mas tudo deu certo”, contou a médica Simone Fink.

A fertilização in vitro é uma técnica de reprodução que une o espermatozoide com o ovócito em ambiente laboratorial. O procedimento é utilizado em alguns quadros específicos e permitiu que, aos 60 anos, Vilma pudesse ter o seu bebê.

*Com informações do g1