Jovem de Jaraguá do Sul pede doações para realizar cirurgia

Reprodução

Por: Elisângela Pezzutti

01/09/2022 - 14:09 - Atualizada em: 01/09/2022 - 14:34

O jovem jaraguaense Eduardo Peixer, 23 anos, diagnosticado com colesteatoma (uma doença que afeta o ouvido médio e que, quando não tratada, pode ter graves complicações e resultar em perda auditiva parcial ou total), lançou uma vaquinha on-line para arrecadar R$ 23 mil, necessários para custear uma cirurgia que ele fará no Hospital Santa Isabel, em Blumenau, em data a ser agendada.

Para a surpresa e alegria de Eduardo, que não possui plano de saúde, muitas pessoas colaboraram e, e em apenas seis dias, as doações em dinheiro somaram quase R$ 20 mil. Ou seja, agora faltam menos de R$ 3 mil para alcançar o valor total da operação.

Problemas na saúde auditiva começaram na infância

Ele explica que, desde novo, sempre teve problemas envolvendo o ouvido. “Quando criança tive muitos episódios de otite devido a uma má formação em meu ouvido direito. Com o passar dos anos, esse problema evoluiu para um colesteatoma. Apesar de não se tratar de um tumor propriamente dito, seu comportamento costuma ser bem agressivo, gerando destruição das estruturas do ouvido, podendo resultar em problemas graves, como labirintite, paralisia facial, meningite, surdez ou abscessos cerebrais”.

Perda de 50% da audição em um dos ouvidos

Quando Eduardo estava com 14 anos, passou por uma cirurgia para remoção desse colesteatoma. “Mas isso aconteceu depois de muito tempo de espera na fila do SUS e, como consequência, tive perda auditiva de 50% no meu ouvido direito”, conta o jovem que, há dois anos faz acompanhamento com médico otorrinolaringologista.

No início de agosto deste ano, após ele sentir um desconforto no ouvido, foi solicitada uma tomografia computadorizada, que acusou um novo colesteatoma, para o qual a única solução é a cirurgia.

Agora faltando pouco para atingir os R$ 23 mil, Eduardo se declara muito feliz e agradecido a todos que contribuíram. Quanto à operação pela qual terá que passar, ele diz estar “um pouco nervoso, mas confiando em Deus”.

Quem quiser ajudar na vaquinha deve entrar em contato com Eduardo pelo telefone/WhatsApp (47) 99769-2565.

Reprodução

“O quadrado vermelho mostra o meu ouvido esquerdo, que seria como um ouvido normal deveria ser, a parte preta é o ar que se encontra dentro de ouvido. O quadrado amarelo é o meu ouvido direito, o que se encontra com o colesteatoma, como a tomografia mostra ele não se encontra com ar dentro dele, pois é ali que o colesteatoma está, o cisto já cresceu por todo o osso do meu ouvido”, explica Eduardo.

 

 

 

Notícias no celular

Whatsapp