Há 3 anos, Florianópolis vivia drama ambiental em estrutura da Casan

Foto Arquivo/CBMSC

Por: OCP News Florianópolis

06/09/2023 - 10:09 - Atualizada em: 06/09/2023 - 10:19

O rompimento do reservatório da Casan no bairro Monte Cristo é o segundo problema ocorrido com a Casan em Florianópolis em três anos. Em janeiro de 2021, a lagoa de infiltração da estação de tratamento de esgoto na Lagoa da Conceição também se rompeu, provocando um grave desastre ambiental em um dos maiores pontos turísticos da Capital catarinense.

O incidente causou o despejo de esgoto na avenida das Rendeiras e nas águas da Lagoa, prejudicando a fauna local e tornando-a imprópria para banho por um extenso período.

A água que transbordou atingiu ao menos 35 imóveis. Os bombeiros retiraram 70 pessoas das residências durante a ocorrência. Uma pessoa foi levada para o hospital com ferimentos leves.

Após um ano, a Associação dos Moradores da Lagoa da Conceição (Amola) publicou carta aberta, em que fala sobre a poluição da água no bairro.

“Depois disso, a Lagoa nunca mais foi a mesma. Uma cor marrom tomou conta da nossa água. Enfrentamos a agonia e a morte de peixes, moluscos e crustáceos com a hipóxia. De forma simplificada, a poluição consome o oxigênio que falta para os animais”.

Conforme a Casan, passado 3 anos, a maioria das casas foram reerguidas e 95% dos processos de indenização foram concluídos.