Governo vai chamar aprovados em concurso dos Bombeiros

Por: Isabelle Stringari Ribeiro

13/06/2023 - 09:06 - Atualizada em: 13/06/2023 - 09:50

O governador Jorginho Mello anunciou nesta segunda-feira (12), o chamamento de 250 soldados e 15 cadetes aprovados em concurso público do Corpo de Bombeiros Militar (CBMSC), durante a solenidade de 20 anos de emancipação da corporação.

Além disso, durante o evento, foram entregues viaturas e equipamentos que totalizam um investimento de R$ 13,1 milhões. As melhorias visam fortalecer o CBMSC e aprimorar suas capacidades de resposta a emergências e proteção da população.

“Essas entregas vão melhorar ainda mais o desempenho do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina que já presta um serviço de excelência para a nossa sociedade. Além disso, é com muita honra que anuncio a chamados dos aprovados, para fortalecer a corporação”, frisou o governador.

Entregas

Entre os equipamentos entregues durante a solenidade, destacam-se quatro caminhões de combate a incêndio, seis ambulâncias e dois veículos tracionados. Além disso, foram disponibilizados nove quadriciclos, oito motos aquáticas, 10 kits de desencarceradores para atuação em resgate veicular, 54 conjuntos de equipamentos de proteção individual e oito equipamentos de proteção respiratória para atuação em combate a incêndio estrutural.

Fotos: Eduardo Valente / Secom

“É uma gama de viaturas e equipamentos que serão distribuídos em todo o território catarinense, para continuarmos cada vez mais salvando vidas e protegendo os catarinenses em todas as demandas que surgirem para o Corpo de Bombeiros Militar”, exaltou o comandante-geral, coronel Fabiano de Souza.

Esses investimentos e contratações demonstram o compromisso do governo em fortalecer o Corpo de Bombeiros Militar e garantir uma resposta eficiente em situações de emergência, proporcionando maior segurança à população.

Caminhões de combate a incêndio

Três caminhões auto bomba tanque e resgate (ABTR) foram adquiridos com apoio do Governo do Estado, somando um investimento de R$ 4 milhões. Os veículos foram encaminhados para os quartéis de Blumenau, Braço do Norte e Campos Novos. Já o quarto caminhão foi adquirido por meio da emenda parlamentar do ex-deputado federal Hélio Costa, destinado ao município de Palhoça. O valor total investido foi de R$ 1.345.000,00.

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Caminhonetes

Duas caminhonetes Ford Ranger, com capacidade de tração, foram adquiridas por meio de uma emenda do ex-deputado federal Hélio Costa. Cada veículo teve um valor unitário de R$ 300.400,00. Essas caminhonetes foram destinadas aos quartéis de Santo Amaro da Imperatriz e Xaxim, contribuindo para fortalecer as operações dessas localidades.

Ambulâncias

A aquisição de seis ambulâncias foi realizada por meio de emendas parlamentares, bem como com recursos provenientes do Estado e dos municípios de Pinhalzinho e Saudades. O investimento total para essa aquisição foi de R$ 1.965.000,00.

As emendas parlamentares foram feitas pelo deputado estadual Fabiano da Luz, que destinou duas ambulâncias para Pinhalzinho e Saudades, pelo deputado estadual Sérgio Motta, que possibilitou a aquisição de uma Unidade de Suporte Avançado (ASU) para São José, e pelo ex-deputado estadual Onir Mocellin, que destinou três ambulâncias para as cidades de Rio do Sul, Lebon Régis e Guaraciaba.

Esses investimentos em ambulâncias reforçam os recursos de atendimento médico de emergência e contribuem para a melhoria dos serviços de saúde nas respectivas regiões beneficiadas.

Equipamentos

Todos os equipamentos entregues foram adquiridos com recursos provenientes do Governo do Estado, representando um investimento total de R$ 3.324.241,96. Dentre os itens adquiridos, destacam-se:

  • Oito moto aquáticas, equipadas com pranchas de salvamento e carreta para transporte, com um investimento de R$ 1.032.271,96. Essas motos aquáticas serão utilizadas pelas equipes de prevenção e salvamento aquático nos municípios de Florianópolis, Governador Celso Ramos, Laguna, Penha, Araranguá e Itajaí.
  • Foram entregues 10 kits de desencarceradores, que incluem cilindro extensor, alargador e ferramenta de corte, com um investimento de R$ 1.404.176,00. Esses kits são destinados ao atendimento de ocorrências de resgate veicular, proporcionando às equipes as ferramentas necessárias para lidar com situações de salvamento em acidentes automobilísticos.
  • Para a atuação em combate a incêndio estrutural, foram adquiridos 54 conjuntos de equipamento de proteção individual e oito equipamentos de proteção respiratória, destinados ao Centro de Ensino Bombeiro Militar. Essa aquisição representou um investimento de R$ 341.804,00, proporcionando maior segurança e eficácia nas operações de combate a incêndios em estruturas.
  • Além disso, foram entregues nove quadriciclos, com um valor total de R$ 545.990,00. Esses quadriciclos serão utilizados pelos Batalhões de Criciúma, Itajaí, São José e Balneário Camboriú. Vale ressaltar que dois desses quadriciclos foram adquiridos por meio de emenda parlamentar do ex-deputado estadual Onir Mocellin, e serão destinados ao quartel de Jaguaruna.
Fotos: Eduardo Valente / Secom

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Esses investimentos em equipamentos reforçam a capacidade de atuação do Corpo de Bombeiros Militar e visam proporcionar um serviço de excelência na prevenção, salvamento e combate a incêndios, assegurando a segurança da população catarinense.

Bombeiros Voluntários

Durante o evento, o comandante-geral anunciou que a corporação também entregará em breve à Associação de Bombeiros Voluntários nove kits de desencarceradores veiculares, cinco ferramentas de corte combinadas e 17 repetidoras digitais. Esses equipamentos representam um investimento de R$ 1.868.609,40 e serão essenciais para auxiliar o trabalho dos Bombeiros Voluntários em suas missões de resgate e atendimento de emergências.

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Atos de promoção

No estado, foram realizadas promoções de 28 praças e cinco oficiais, incluindo a ascensão de militares ao posto de coronel, a mais alta patente na corporação. Essas promoções reconhecem o mérito e a dedicação dos bombeiros em seu serviço à comunidade.

Homenagens

Durante a solenidade, o governador Jorginho Mello, outras autoridades e bombeiros militares receberam homenagens especiais, sendo presenteado com uma miniatura do estandarte histórico da corporação. Essa homenagem é uma forma de agradecimento e reconhecimento pela colaboração no processo de emancipação e pelo apoio prestado aos Bombeiros Militares.

Os homenageados:

  • governador Jorginho Mello;
  • presidente do Tribunal de Justiça João Henrique Blasi – na época Secretário de Segurança Pública;
  • Claúdio Appel da Silveira, representando o ex-governador Luiz Henrique da Silveira (in memoriam), que na época era governador.
  • coronel RR Milton Antônio Lazzaris,
  • coronel RR Adilson Alcides de Oliveira.
Fotos: Eduardo Valente / Secom

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Emancipação

O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina foi criado por meio da Lei 1.288, de 16 de setembro de 1919, então como parte integrante da Força Pública, atualmente Polícia Militar. Sua instalação oficial ocorreu em 26 de setembro de 1926, sob o comando do coronel PM Pedro Lopes Vieira, com o apoio do governador Adolfo Konder.

Em 13 de junho de 2003, através da aprovação da Emenda Constitucional nº 33, o Corpo de Bombeiros Militar deixou de ser parte integrante da Polícia Militar e adquiriu o status de corporação autônoma.

Atualmente, o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina está presente em mais de 140 municípios do estado, proporcionando serviços ágeis e de qualidade para atender a população. Essa abrangência coloca Santa Catarina como um dos estados com um dos melhores serviços de bombeiros do país.

“Temos um apreço pela nosso co-irmã, a Polícia Militar, afinal surgimos da Força Pública, mas sem dúvida alguma esses 20 anos representam um avanço significativo ao Corpo de Bombeiros Militar. Pudemos priorizar a nossa expansão territorial e os investimentos nas atividades específicas da corporação, deixando para a Polícia o combate à criminalidade”, finalizou o comandante-geral, coronel Fabiano de Souza.

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Fotos: Eduardo Valente / Secom

Notícias no celular

Whatsapp