Governo de Criciúma repassa área pública ao Asilo São Vicente de Paulo

Foto: Divulgação/Asilo São Vicente de Paulo

Por: OCP News Criciúma

29/11/2023 - 20:11 - Atualizada em: 29/11/2023 - 20:18

O Governo de Criciúma realizará, em ato oficial, a transferência de uma área pública, de aproximadamente 1.585 m², ao Asilo São Vicente de Paulo, nesta sexta-feira (1º), às 16h, em solenidade realizada em frente à residência da instituição, localizada no bairro Michel. A área que será repassada pela Administração Municipal será destinada à ampliação do Asilo São Vicente de Paulo, com o objetivo de melhorar as atividades e oferecer um ambiente ainda mais acolhedor e confortável para os futuros residentes.

“A área em questão, anteriormente sob a responsabilidade da Administração Municipal, agora será destinada a fortalecer as atividades do Asilo São Vicente de Paulo, uma instituição renomada por seu trabalho incansável em prestar assistência aos idosos da região. A doação representa não apenas uma transferência de propriedade, mas um compromisso conjunto em promover uma sociedade mais inclusiva e solidária”, destaca o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Conforme o diretor de Patrimônio da Prefeitura de Criciúma, Henderson Cirimbelli Giassi, o governo municipal realizou a desafetação de um trecho da rua São Vicente de Paula para transformá-lo em um terreno comum. “Antes da mudança, uma audiência pública com a comunidade foi feita para obter a autorização do fechamento de uma parte da rua, e com isso, a prefeitura enviou um Projeto de Lei à Câmara Municipal, que prontamente foi aprovado”, explica.

Impacto direto no Asilo São Vicente de Paulo

“Os benefícios com essa doação serão diretamente percebidos pelos moradores da instituição, que receberão um espaço mais amplo com instalações médicas melhoradas e espaço para atividades recreativas”, conta o presidente do Asilo São Vicente de Paulo, José Hélio de Luca.

A obra será anexa a edificação atual, seguindo o projeto arquitetônico e respeitando a legislação vigente. Com isso, a área construída totalizará 4.769 m². As edificações serão ligadas entre si com calçadas cobertas respeitando as normas de acessibilidade. Uma ampliação de 28 suítes duplas, aumentando de 70 para 126 vagas de acolhimento, será realizada.