Epagri rende à sociedade R$ 9 para cada real investido na instituição

Foto: Aires Mariga/Epagri

Por: Bruno Gallas

15/06/2022 - 09:06

O trabalho da Epagri transformou cada real investido pelo Governo do Estado em R$ 9,31 em benefícios para a sociedade ao longo de 2021. O resultado está no Balanço Social da Empresa. Os cálculos levaram em conta os impactos de 117 tecnologias e cultivares desenvolvidos, lançados e difundidos pela empresa.

A publicação foi lançada em Florianópolis nesta segunda-feira (13), quando o presidente da Epagri, Giovani Canola Teixeira, entregou a publicação ao governador Carlos Moisés.

O retorno global das tecnologias e ações da Epagri somou R$ 8,4 bilhões em 2021 – esse valor considera a contribuição de parceiros e outras instituições nos resultados. A participação da Epagri nesse retorno é de R$ 3,52 bilhões.

Os cálculos avaliaram os impactos econômicos em termos de aumento de produtividade, redução de custos, expansão de novas áreas de cultivo e agregação de valor, além dos impactos sociais e ambientais de cada tecnologia.

“Essa é uma parte dos resultados do trabalho que a Epagri realiza junto aos homens e mulheres do campo e que ajuda a impulsionar a economia catarinense”, descreve o governador.

Foto: Peterson Paul/Secom

Para o presidente da Empresa, Giovani Canola Teixeira, os números refletem um trabalho que gera riqueza com sustentabilidade.

“Nossa missão é desenvolver tecnologias e atender as famílias rurais e pesqueiras de Santa Catarina para assegurar que a produção de alimentos aconteça de forma comprometida com a conservação dos recursos naturais. Precisamos de alimentos de qualidade, produzidos com respeito ao meio ambiente, que garantam uma vida próspera no campo e no mar e gerem trabalho e renda no Estado. E foi isso que a Epagri buscou em mais um ano de trabalho por Santa Catarina”, destaca.

Em 2021, a Epagri atendeu 118 mil famílias, 3,8 mil entidades e 45 mil jovens rurais. Ao longo do ano, a Empresa executou 409 projetos de pesquisa e lançou 26 tecnologias.