Como será o outono de 2023 em Santa Catarina

Foto: Pixabay

Por: Isabelle Stringari Ribeiro

15/03/2023 - 14:03 - Atualizada em: 15/03/2023 - 14:05

O verão termina com o fim da atuação do fenômeno La Niña (resfriamento das águas na região equatorial do Pacífico), que começou em setembro de 2020 e depois de passar por intensidades moderada e forte nos últimos três anos já apresenta aquecimento na área de monitoramento da temperatura da superfície do mar (TSM).

O mês de março deve terminar com totais de chuva mais elevados no Litoral, podendo ficar próximo e localmente acima da média do mês, e com chuva mal distribuída e totais mais baixos no Extremo Oeste e Oeste. Para o outono de 2023 a previsão de Neutralidade (águas com temperatura normal na região equatorial do Pacífico) e a tendência é que a estação seja de pouca chuva em SC, com totais próximos a abaixo da média climatológica.

O outono é uma estação de transição entre o verão e o inverno em Santa Catarina, e é comum que a estação comece com maior incidência de temporais localizados, chuva forte, raios, granizo e ventania. No entanto, também são frequentes os períodos de veranicos, que são caracterizados por pouca chuva e temperaturas mais elevadas, principalmente no mês de maio. Durante a estação, é comum que ocorra uma grande amplitude térmica diária, com diferenças significativas entre as temperaturas mínimas e máximas do ar.

Uma das características mais marcantes do outono em Santa Catarina é a diminuição do volume de chuva, o que é acompanhado por um aumento da umidade e da nebulosidade baixa, o que pode levar à formação de nevoeiros e à redução da visibilidade em alguns dias.

Neste outono de 2023, com indicativo de Neutralidade, o frio deve começar na época certa e a previsão é de temperatura próxima a acima da média climatológica, com a chegada de massas de ar frio mais intensas e mais frequentes a partir de abril, com formação de geada ampla, que se estende do Extremo Oeste ao Planalto. Em especial no mês de junho o frio mais amplo atinge mais regiões do Estado e, em alguns casos, a temperatura baixa e umidade alta poderá proporcionar episódios de neve nas áreas altas do Estado.

Durante o outono ciclones extratropicais atuam com mais frequência no litoral do Uruguai, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, provocando vento intenso, mar agitado com ressaca e perigo para a navegação no litoral catarinense.

É importante lembrar que chuva forte, com totais elevados em curto intervalo de tempo, temporais com forte atividade elétrica (raios), granizo e ventania, ondas de frio e períodos de estiagem podem ocorrer no outono de 2023. Acompanhe a atualização dos avisos meteorológicos diários, na página da Epagri/Ciram e redes sociais.

Notícias no celular

Whatsapp