Com apenas 23% do pulmão funcionando, pai de família pede ajuda para custear tratamento

Foto: Divulgação

Por: OCP News Criciúma

25/08/2023 - 15:08 - Atualizada em: 25/08/2023 - 15:45

Alecio Perdona de Souza é um criciumense, de 31 anos, que há dois meses foi diagnosticado com DPOC e bronquiectasia, duas doenças irreversíveis e que não possuem tratamento pela rede pública de saúde.

 

Com apenas 23% do pulmão funcionando, ele faz uso do oxigênio 24 horas por dia e já está na fila de transplante para receber um novo pulmão, mas enquanto não é chamado precisa de ajuda para arcar com os tratamentos.

 

“Os médicos disseram que se a bactéria chegar no coração não tem mais volta, por isso estou pedindo ajuda, o tratamento deve ser feito o quanto antes”, explica.

 

Alecio é casado e tem um filho de 1 ano e 7 meses. “Qualquer valor irá ajudar para que eu consiga tomar as medicações e possa ver meu filho crescer”.

 

Foto: Alecio e o filho.

 

Qualquer ajuda financeira pode ser depositada através da Chave PIX.

  • Chave PIX (CPF): 011.737.439-36 – Alecio Perdona de Souza

Ou através da Vakinha, clicando neste link.