Banco Mundial visita SC para apoiar investimentos em infraestrutura e prevenção de desastres naturais

Foto: Ricardo Dias/Comunicação BRDE

Por: OCP News Criciúma

26/10/2023 - 21:10 - Atualizada em: 26/10/2023 - 21:23

Uma equipe de representantes do Banco Mundial está em Santa Catarina a convite do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) para tratar do apoio aos municípios do estado que necessitam de investimentos em infraestrutura, principalmente no financiamento para prevenção aos impactos provocados por desastres naturais e riscos relacionados ao clima. A agenda da equipe iniciou nesta quinta-feira (26) com uma visita ao município de Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, uma das regiões mais afetadas pelas últimas cheias. Na ocasião, a equipe se reuniu com prefeitos, representantes da Defesa Civil e lideranças empresariais para conhecer os prejuízos e as principais demandas na região.

A comitiva é liderada pelo diretor do Banco Mundial para o Brasil, Johannes Zutt, e é composta por técnicos das duas instituições financeiras, além do presidente do BRDE, João Paulo Kleinübing. O foco dessa colaboração é fortalecer a capacidade de prevenção a desastres naturais em Santa Catarina. Para isso, uma das possibilidades apresentadas pela equipe é auxiliar os municípios por meio do programa Sul Resiliente, em parceria com o BRDE. Esse programa disponibiliza uma linha de financiamento específica para projetos e qualificação da infraestrutura dos municípios a fim de atenuar os impactos de desastres naturais.

O Sul Resiliente não apenas investe em obras para evitar desastres naturais e eventos climáticos, mas também permite aos municípios a elaboração de projetos de engenharia, como mapeamento de risco e planos de contingência, treinamento de servidores municipais ou aquisição de sistemas e equipamentos para monitoramento de risco.

A comitiva também se reuniu com o governador em exercício, João Henrique Blasi, secretários e representantes de órgãos do Estado. O diretor de Acompanhamento e Recuperação de Créditos do BRDE, Mauro Mariani, enfatizou a importância do alinhamento com as lideranças do estado para atender às necessidades dos municípios e tornar Santa Catarina mais preparada frente aos fenômenos climáticos.

A agenda da equipe do Banco Mundial incluiu visitas ao sistema de monitoramento da Defesa Civil em Florianópolis e encerra com uma reunião técnica na sede do BRDE na capital catarinense. A comitiva conta com a presença de diversos especialistas do Banco Mundial e com a participação de secretários e autoridades estaduais e locais, a fim de consolidar parcerias e recursos para investir na prevenção de desastres naturais em Santa Catarina.