Advogado pede ao Ministério da Justiça que proiba entrada de Roger Waters no Brasil

Foto: Reprodução Facebook

Por: Elisângela Pezzutti

10/06/2023 - 12:06 - Atualizada em: 10/06/2023 - 13:33

O co-fundador da banda Pink Floyd, Roger Waters, deve fazer shows de sua turnê de despedida “This is Not a Drill” no Brasil em outubro e novembro próximos. As datas já foram marcadas no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Curitiba e Belo Horizonte. Porém, o Ministério da Justiça recebeu, uma semana após o anúncio das apresentações, no final de maio, um pedido para que o músico seja impedido de se apresentar por aqui.

O pedido foi feito ao ministro Flávio Dino pelo advogado Ary Bergher, vice-presidente da Confederação Israelita do Brasil (CONIB) e presidente do Instituto Memorial do Holocausto, sediado no Rio.

Roger Waters está sendo investigado pela polícia de Berlim, depois de usar um uniforme de estilo nazista num show realizado na capital alemã.

No entanto, é sabido por todos os fãs que o músico é um ativista pelos direitos humanos. Waters afirma que usou o uniforme com sigla nazista como forma de protesto.

*Com informações de O Globo

Notícias no celular

Whatsapp