Achados e perdidos do Fórum de Joinville guarda desde óculos até álbum de bebê

Divulgação/Comarca de Joinville

Por: OCP News Joinville

25/08/2023 - 18:08 - Atualizada em: 25/08/2023 - 18:26

Quem nunca deu falta de algum objeto ao chegar em casa, mas simplesmente não conseguia se lembrar onde ele havia sido esquecido?

Por isso, muitos lugares guardam por anos verdadeiras relíquias à espera de seus donos. Esse é o caso do setor de achados e perdidos do Fórum da comarca de Joinville.

 

 

Cerca de mil pessoas registram diariamente entrada no prédio central da comarca da maior cidade do estado. São homens e mulheres à procura de atendimentos nas varas cíveis, criminais, da família, da infância e setores relacionados, ou ainda servidores e terceirizados.

Já no primeiro acesso, a pessoa passa pelo raio X e deposita os itens móveis na esteira para só depois preencher o cadastro na recepção. A partir daí, pode seguir até a unidade requerida. Nesse caminho já há possibilidade de desvio de atenção e esquecimento.

Mas, durante a espera nos balcões ou nos corredores, sentados nas longarinas, a probabilidade de esquecer qualquer pertence é ainda maior.

“Sempre que percebemos algum item esquecido, já procuramos por meio do sistema de controle de acesso avisar o proprietário, mas nem sempre conseguimos localizar, ou ainda, em caso de objetos pessoais, a identificação é quase impossível. Porém, não nos desfazemos de nenhum item, tudo fica guardado”, garante o chefe da secretaria e.e., Júlio César Alberti.

Na caixa tem de tudo: cachecol, óculos, cartões de banco, documentos, chaves, carregador de celular etc. Mas um objeto em especial chama a atenção, talvez por ser insubstituível: um álbum de fotografias que registra momentos de um sorridente menino. Hoje, já não se sabe o quanto ele cresceu, mas, se algum dia alguém se lembrar, o álbum está lá à espera.

É possível contatar o setor de achados e perdidos da comarca de Joinville por meio do telefone 47-3130-8500 (falar com a secretaria).