A melhoria da infraestrutura terrestre em Santa Catarina é uma das bandeiras da Federação das Indústrias do estado. Desde julho, a entidade deflagrou a campanha “SC Não pode Parar”, em parceria com o Grupo ND, com o objetivo de chamar a atenção e mobilizar a sociedade e autoridades para o estado precário das rodovias federais em SC. Para a Fiesc, só o investimento na melhoria das vias será capaz de mudar este quadro. Para reforçar esse alerta, na segunda-feira (29), às 11h30, será lançado o abaixo-assinado virtual chamado de SOS Rodovias. A iniciativa marca a nova fase da campanha que vem mostrando os problemas das BRs que cortam o estado. O encontro reunirá lideranças empresariais, políticas e representantes da sociedade civil, na sede da Federação, em Florianópolis, e será transmitido pelo YouTube da Fiesc.

“Melhorar as condições das nossas rodovias tornou-se uma causa de Santa Catarina. E o abaixo-assinado é fundamental porque é a ferramenta que permitirá a participação das pessoas e dará voz ao anseio da população por estradas mais seguras e condizentes com a importância do estado para o Brasil. Convidamos a todos para que se engajem nesse movimento. Quanto mais assinaturas tivermos, mais força nossa causa vai ter”, afirma Mario Cezar de Aguiar, presidente da Fiesc. Ele lembra que, se nada for feito, em breve, o estado corre o risco de parar - por isso, o mote da campanha é SC Não Pode Parar. “Hoje, quem trafega pelas BRs encontra congestionamentos e acidentes a qualquer hora. Com o crescimento da nossa economia, essa situação só vai se agravar. E a saída é uma só: mais investimentos. E eles são urgentes”, declarou.

A campanha tem rodado o estado. Já foram realizados seminários em Chapecó, Navegantes, Rio do Sul e Jaraguá do Sul para mobilizar as regiões para o assunto. Os próximos fóruns ocorrem em Criciúma, no dia 1º de dezembro, e Lages, no dia 13 de dezembro.

 

 

Caçador vai instalar um campus da Udesc e o Parque da Educação | Fotos Ricardo Wolffenbüttel/Secom

Udesc em Caçador

O governador Carlos Moisés oficializou esta semana quase R$ 130 milhões em investimentos para Caçador. Na Educação, a região foi contemplada com a implantação do Centro de Educação Superior do Meio Oeste – Cesmo, Campus VII da Udesc e a construção do Parque da Educação. As obras serão feitas por convênio em que o Estado repassará R$ 30,8 milhões e o município R$ 13,2 milhões. O ato contempla demanda antiga do deputado Valdir Cobalchini (MDB). “A Udesc é uma luta que encampei desde 2003, quando assumi a Secretaria Regional em Caçador”, relembra. “Não posso deixar de me emocionar quando finalmente logramos êxito na instalação de um campus da Udesc em Caçador”, comemora.

Facisc 1

A Facisc selecionou uma série de pleitos de todas as regiões de Santa Catarina e entregou aos deputados federais e senadores na sexta-feira (26), durante a Reunião do Fórum Parlamentar realizada em Florianópolis. Segundo o presidente da Facisc, Sérgio Rodrigues Alves, o estado merece uma atenção especial quando se fala em recursos. “Sentimos que somos esquecidos no âmbito federal, injustamente. Não estamos desamparados, bem pelo contrário, vemos o trabalho que nossos representantes fazem pelo nosso estado”.

Facisc 2

O trabalho da Facisc é norteado pelo documento Voz Única. “Todas as nossas reivindicações e pleitos estão neste documento. Graças a este trabalho, hoje se constata que mais de 70% da nossa carência está em infraestrutura”, reforçou o presidente Sérgio Rodrigues Alves. A deputada Federal Angela Amin (PP), coordenadora do Fórum Parlamentar Catarinense, ressaltou o trabalho de toda a bancada em buscar e destacou a urgência e a importância da duplicação da BR – 470. “A região do Alto Vale está sufocada”, ressaltou a parlamentar.

Elogio

O deputado estadual Romildo Titon (MDB) não poupou elogios ao governador Carlos Moisés, na sexta-feira (26) em Treze Tílias: "Quatro anos é pouco para o senhor, governador. O senhor me cativou. O candidato que ninguém conhecia faz um governo competente, diferente e transparente." Em dois dias no Meio-Oeste, o governador autorizou ordem de serviço para recuperação e conservação de quatro trechos de rodovias, num total de mais de 100 quilômetros. São mais de R$ 81 milhões em investimento, o maior dos últimos anos.

Comenda

A Alesc promove na segunda-feira (29), às 19h, sessão solene para a outorga da Comenda do Legislativo Catarinense. A maior distinção do Parlamento homenageia as personalidades e instituições que se destacaram pelo compromisso social e empreendedorismo em prol de SC. Na cerimônia, que será conduzida pelo presidente da Alesc, deputado Mauro de Nadal (MDB), serão agraciadas com a premiação 33 pessoas e oito organizações.