Não bastasse a informação de que o governo federal não conseguirá cumprir a regra de ouro em 2019 e as dificuldades encaradas em pagar os R$ 3,1 bilhões pedidos para a intervenção federal no Rio de Janeiro, o Orçamento Federal revelou ter mais um problema nesta quinta-feira: enquanto o congresso não vota a desoneração da folha de pagamento, o orçamento da união para 2018 teve mais R$ 2 bilhões bloqueados, somando R$ 18,2 bilhões em verbas retidas para o último ano da presidência de Michel Temer. Além do bloqueio dos R$ 2 bilhões, foram separados R$ 6,6 bilhões para serem remanejados entre os órgãos públicos - entre eles o recém criado Ministério da Segurança Pública - e R$ 1 bilhão para os custos da intervenção. Até que esses fundos sejam devidamente alocados, estarão bloqueados nas contas do governo. Esse é o segundo lote de fundos bloqueados para o remanejo de órgãos públicos - em janeiro, foram bloqueados R$ 8,2 bilhões que deviam ser realocados entre os órgãos. O bloqueio mais grave, no entanto, ao que se somam os R$ 2 bilhões bloqueados na quinta-feira, se refere ao teto federal de gastos - para evitar estourar o orçamento, já havia sido bloqueado um montante de R$ 16,2 bilhões como uma garantia de liquidez financeira caso não fosse votada  privatização da Eletrobrás, que renderia R$ 12,2 bilhões ao governo. O governo federal projeta para 2018 um déficit primário de R$ 159 bilhões. Ano passado, as contas públicas fecharam com déficit de R$ 124,4 bilhões, e as dificuldades em manter as contas dentro do aceitável estão ficando cada vez maiores. Resta saber como reverter esse quadro - antes que o déficit se torne incontrolável e os investimentos públicos se tornem impossíveis.   Empreendedores de Guaramirim promovem Carreteiro. O Núcleo do Jovem Empreendedor de Guaramirim promove hoje o seu 3º Carreteiro. O evento, será na Recreativa do Mannes (Rodovia BR 280, KM 58, no Bairro Nova Esperança) e tem o início marcado para as 10h30min.Os encontros do núcleo são realizados quinzenalmente, nas quartas-feiras e são um momento para a troca de experiência entre os empreendedores. O próximo bate-papo está agendado para o dia 11 de abril, 19h. O valor arrecadado no evento será revertido em ações do núcleo. Os ingressos podem ser adquiridos na Associação Empresarial de Guaramirim, ou com os integrantes do Núcleo do Jovem Empreendedor e tem o custo de R$ 20, podendo ser adquiridos no dia. Santa Catarina Consumo de gás quebra recordes A Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGÁS) distribuiu 52,5 milhões de m³ de gás natural em fevereiro . A quantidade de gás natural consumida chegou à média diária de 1,87 milhão de m³ – recorde de consumo no mês de fevereiro desde o início da operação da Companhia, em 1994, com pico de 2,05 milhão de m³ no dia 27. Apesar disso, a companhia encerrou o mês em prejuízo: a receita bruta em fevereiro foi de R$ 57,1 milhões e o resultado mensal apurou prejuízo de R$ 2,97 milhões – o prejuízo acumulado em 2018 é de  R$ 2,7 milhões   Nacional Quase cinco milhões já acertaram as contas com o fisco Em três semanas, quase 5 milhões de contribuintes acertaram as contas com o Fisco. Até as 17h de quinta-feira, a Receita Federal havia recebido 4.754.759 declarações do Imposto de Renda Pessoa Física. O total equivale a 16,51% dos 28,8 milhões de documentos esperados para este ano - ou seja, ainda faltam 24 milhões de declarações a serem entregues. O programa de preenchimento da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física de 2018 está disponível no site da Receita Federal. O prazo para a entrega da declaração começou no dia 1º de março e vai até as 23h59min59s de 30 de abril. Moedas em queda lenta Boas novas para quem quer comprar moeda estrangeira ou arriscar no mercado de criptomoedas: nesta sexta-feira, Dólar, Euro e Libra esterlina operavam em leve tendência de queda - até as 12h30, o dólar acumulava queda de 0,1%, enquanto as moedas europeias caiam 0,02%. No mercado de criptomoedas, a tendência de queda era mais acentuada: Depois de recuperar parte do valor na quinta-feira, Bitcoin operava com a tendência de queda que marcava a moeda ao longo de março - dos US$ 11.500 do começo do mês, a moeda caiu para US$ 8.712 na abertura de ontem - enquanto Ethereum mostrava queda de 2%.   Internacional Brasil escapa das barreiras de Trump As barreiras tarifárias sobre as importações de aço e alumínio nos EUA entraram em vigor ontem, e a pressão do Brasil, da União Européia e de outros países que exportam os metais para os EUA parece ter dado certo: o presidente Donald Trump deixou Brasil, Austrália, Canadá, União Européia, Argentina e Coreia do Sul isentos da sobretaxa, que deve afetar primariamente a China. Gastos de brasileiros no exterior voltam a crescer Os gastos de brasileiros em viagem ao exterior chegaram a US$ 1,405 bilhão em fevereiro. Esse é o maior resultado para o mês desde 2015, quando o valor atingiu US$ 1,490 bilhão. Os dados foram divulgados ontem pelo Banco Central. No mesmo mês do ano passado, essas despesas ficaram em US$ 1,362 bilhão. As receitas de estrangeiros no Brasil ficaram em US$ 611 milhões, contra US$ 535 milhões em igual mês de 2017. Essas receitas do mês passado foram as maiores para o mês na série histórica do BC, iniciada em 1995.