O prefeito de Schroeder Osvaldo Jurck (PSDB) nunca escondeu que não vê com bons olhos o instrumento da reeleição. Mas, nos últimos meses, tem sido pressionado pelo partido e por aliados a rever a posição. Ontem, em release, assessores de imprensa de aliados chegaram a anunciar a pré-disposição do tucano de repensar a situação.  A mudança de postura de Jurck acabaria em tese com a previsibilidade da eleição no município. Sem ele, o PMDB já dá como certa a vitória do ex-prefeito Felipe Voigt, que deixou o PP justamente para concorrer com maior envergadura ao pleito. Porém, à coluna, ontem, Jurck manteve o discurso que não deseja concorrer, que a alternância do poder é positiva e que apoiará o vereador e correligionário Adriano Kath no pleito. “Não tenho vontade de buscar a reeleição. O Adriano é um ótimo nome. Não vou concorrer”, garantiu.

* * *

dieter_pavimentacao_kamila_rafael_verch

Com a patrola na rua Em coletiva na manhã de ontem, o prefeito Dieter Janssen anunciou um pacote de R$ 13 milhões em obras de asfaltamento. O repasse vai viabilizar melhorias distribuídas em 13 ruas, de nove bairros. “São obras de extrema importância na área de mobilidade, o que facilita para o descolamento das pessoas”. Os recursos vieram através de financiamentos e também de emendas. No anúncio das obras, Dieter fez questão de ressaltar o auxílio recebido do senador Paulo Bauer, dos deputados federais Mauro Mariani e Décio Lima, estaduais Vicente Caropreso e João Amin e do secretário de Desenvolvimento Econômico, Carlos Chiodini.

* * *

Pedido de agilidade Indicação do deputado estadual Vicente Caropreso (PSDB) ao governador Raimundo Colombo (PSD) solicita agilidade na conclusão das obras da Rodovia SC-110, que faz ligação entre Jaraguá do Sul e Pomerode. Para o parlamentar, a rodovia não apresenta as condições mínimas para o tráfego de veículos, ciclistas e pedestres. “Milhares de pessoas correm o risco de morte todos os dias ao utilizar a SC-110, que também é uma importante via de escoamento da produção da região”, enfatiza. A obra iniciou em 2013 e até agora não ficou pronta. Na terça-feira, a Agência de Desenvolvimento Regional anunciou que depois de 20 dias paralisados, os trabalhos no trecho foram retomados.

* * *

Construção do futuro Acontece na próxima terça-feira, a partir das 19h, no Parque de Eventos, a décima oficina para elaboração do Plano Diretor de Jaraguá do Sul. Na oportunidade, os participantes conhecerão as propostas apresentadas nas outras nove oficinas e poderão elencar sugestões, críticas, anseios e ideias acerca das diversas estratégias de desenvolvimento do município: meio ambiente natural e cultural, mobilidade e acessibilidade, uso e ocupação do solo, habitação de interesse social e gestão. Além dessas oficinas, está disponível no site do Instituto Jourdan (www.jourdan.org.br/planodiretor) uma minuta participativa, onde o internauta pode comentar e sugerir dentro da própria lei. O projeto é pioneiro em Santa Catarina e muda o conceito de participação.

* * *

Irineu Pasold

Definições no corredor Entre uma agenda e outra agitada na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Vicente Caropreso (PSDB) recebeu a visita do tucano e ex-prefeito de Jaraguá do Sul, Irineu Pasold. Os dois estão à frente das negociações eleitorais da sigla com outros partidos. A influência de Vicente nos rumos que o partido tomará será decisiva.

* * *

EM FOCO

• “Decidam de uma vez”. Do secretário da Fazenda Ademar Possamai aos vereadores sobre projeto que prevê 50% de corte nos valores pagos sob título de gratificação a servidores. • A primeira proposta da Prefeitura de Jaraguá, protocolada na Casa há quase nove meses, era de diminuir em 20% o benefício. Mas, desde setembro, a Câmara está sentada em cima do texto e a queda na arrecadação vai comprometendo cada vez mais os recursos do município. • Segundo reportagem do O Globo, a Câmara dos Deputados gasta cerca de R$ 400 mil mensais com o custeio da residência oficial que está sendo ocupada por Eduardo Cunha (PMDB), afastado do cargo pelo STF. Além disso, Cunha tem direito a salário mensal de R$ 33,7 mil e verba de R$ 92 mil para pagar os funcionários do gabinete, elevando os gastos para mais de R$ 500 mil por mês. Os cálculos incluem o salário pago à servidora da Câmara que administra a residência oficial (R$ 28,2 mil); um contrato de prestação de serviços de copa e cozinha (R$ 35,9 mil), um contrato de serviço de vigilância terceirizada (R$ 60,3 mil) e um contrato de R$ 29,3 mil para o pagamento de quatro motoristas. • As medidas anunciadas na última terça-feira pelo presidente em exercício, Michel Temer, para melhorar a gestão pública, conter o endividamento e controlar o déficit incluíram iniciativa do senador Paulo Bauer (PSDB). Trata-se de projeto aprovado no Senado e que agora tramita na Câmara dos Deputados. O texto aprimora as regras de gestão dos fundos de pensão. • A exemplo do que acontece em Jaraguá do Sul, a Prefeitura de Schroeder inaugurou o projeto “Horta Comunitária Social”. No projeto piloto, o município disponibiliza um terreno de 150m, ao lado da unidade de Saúde do Rio Hern, com o objetivo de beneficiar famílias que recebem atendimento. A proposta inicial é trabalhar com dez canteiros.